00:16 28 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Sociedade
    URL curta
    3141
    Nos siga no

    As áreas arqueológicas do hemisfério norte estão repletas de misteriosas pedras redondas, que em muitas ocasiões se encontravam nos lugares onde estiveram os hominídeos.

    Algumas destas pedras têm mais de dois milhões de anos, além de mostrarem indícios de terem sido criadas artificialmente.

    Um estudo recente encontrou uma função realista destas estranhas ferramentas: partir ossos. Não se trata de uma função bélica, mas sim alimentícia, já que estas pedras eram usadas para retirar a medula óssea.

    Réplicas experimentais das bolas de pedra
    Réplicas experimentais das bolas de pedra

    A equipe internacional de cientistas liderada por Ella Assaf, da Universidade de Tel Aviv, descobriu a função após estudar detalhadamente dez pedras encontradas na Caverna de Qesem, onde habitaram os humanos pré-históricos entre 400.000 e 200.000 anos atrás.

    Os pesquisadores encontraram evidências de que as pedras haviam sido utilizadas para partir ossos e extrair a valiosa medula óssea, rica em elementos nutritivos.

    "Já que a medula óssea teve um papel central na nutrição humana no Paleolítico inferior, nossos resultados experimentais mostram que a morfologia e as características das réplicas de pedras redondas são adequadas para extração da medula óssea", destacam os pesquisadores.

    Um dos aspectos que chamou a atenção foi o fato de as pedras serem feitas de diferentes tipos de pedra e terem origem em diferentes lugares, sugerindo que os humanos da época tinham o costume de portar as ferramentas que encontravam em outros lugares.

    Experimento de extração de medula óssea com bolas de pedra
    Experimento de extração de medula óssea com bolas de pedra

    Os cientistas estudaram as pedras a nível microscópico e encontraram resíduos com características morfológicas de ossos, fibras de colágeno e gordura dos animais.

    Esses resíduos correspondem ao que foi descoberto durante os experimentos de extração da medula óssea com réplicas destas pedras.

    Experimento de extração de medula óssea com bolas de pedra
    Experimento de extração de medula óssea com bolas de pedra

    Além disso, os pesquisadores também utilizaram pedras lisas de origem natural com a mesma finalidade e concluíram que as cristas das pedras artificiais eram mais eficazes ao fazer uma fratura limpa dos ossos.

    Antes das descobertas, os cientistas não sabiam para que estas bolas foram utilizadas antes de chegarem à Caverna de Qesem.

    Mais:

    Arqueólogos descobrem origens do antigo 'jogo de tabuleiro da morte' egípcio (FOTO)
    'Casa mortuária': guerreiros escandinavos enterrados na Polônia intrigam arqueólogos
    Sarcófagos de sacerdotes de faraós são abertos por arqueólogos no Egito (VÍDEO, FOTOS)
    Tags:
    hominídeo, pré-histórico, mistério, pedra, cientistas, estudos, estudo
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar