03:35 24 Fevereiro 2020
Ouvir Rádio
    Sociedade
    URL curta
    0 50
    Nos siga no

    O argentino se encontra em um navio de cruzeiro em quarentena no Japão por causa do coronavírus e é o primeiro caso confirmado de um sul-americano contagiado pelo vírus.

    A companhia de cruzeiros Princess confirmou nesta sexta-feira (7) que há um argentino entre as 41 pessoas com resultado positivo de infecção pelo novo coronavírus no cruzeiro, que está em quarentena há cinco dias no porto japonês de Yokohama.

    Em comunicado, a empresa informou que, além do argentino, cinco australianos, um canadense, 21 japoneses, um britânico e oito norte-americanos deram positivo no teste.

    A companhia acrescentou que o Ministério da Saúde japonês anunciou que a data final da quarentena será 19 de fevereiro, a menos que haja "desenvolvimentos imprevistos".

    O cruzeiro Diamond Princess, com cerca de 3.700 passageiros e tripulação a bordo, está em isolamento total desde segunda-feira (3), depois de um dos passageiros de Hong Kong ter sido detectado infectado com o vírus.

    A província chinesa de Hubei, o centro do surto mortal do vírus, já contabilizou mais 3.143 casos da doença na quinta-feira (6) e 73 novos falecimentos nas últimas 24 horas, elevando o número total de vítimas fatais para 638.

    Mais:

    Rússia envia ajuda humanitária à China devido ao coronavírus
    Infectados por novo coronavírus já passam de 31.400 em todo o mundo
    Pangolim é apontado como possível hospedeiro intermediário do coronavírus
    Tags:
    quarentena, Argentina, epidemia, vírus, coronavírus
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar