18:08 20 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Sociedade
    URL curta
    0 30
    Nos siga no

    A construção do muro mais antigo do mundo pretendia proteger um assentamento, que depois de dois séculos de existência foi inundado pelas águas.

    Uma equipe de arqueólogos subaquáticos descobriu na costa de Israel um extenso muro, construído na Idade da Pedra, há sete mil anos, por aqueles que tentavam proteger suas casas do aumento do nível do mar.

    A construção é a mais antiga do mundo e protegia o antigo assentamento israelense de Tel Hreiz, na costa do Carmelo, localizada a apenas três metros do nível do mar. O muro, de aproximadamente 100 metros de comprimento foi construído com enormes pedras que pesavam até uma tonelada cada.

    1 / 2
    Muralha mais antiga do mundo encontrada em Israel

    Entretanto, a construção forneceu uma proteção temporária aos moradores, que em algum momento precisaram deixar o local habitado entre os anos 300 e 500, segundo pesquisa publicada na revista PLOS ONE.

    "Durante o período Neolítico, as populações mediterrânicas experimentaram um aumento do nível do mar de quatro a sete milímetros por ano", segundo o especialista Ehud Galili, do Instituto Zinman de Arqueologia na Universidade de Haifa (Israel).

    A área israelense, totalmente submergida, foi descoberta parcialmente na década de 1960, entretanto, a zona só ficou exposta em 2012, depois das tempestades de inverno.

    Mais:

    Naufrágio deixa dois mortos e 25 desaparecidos na Líbia
    Marinha brasileira resgata 9 pessoas após naufrágio (VÍDEO)
    Naufrágio em Budapeste tem ao menos 7 mortes confirmadas (FOTOS, VÌDEOS)
    Tags:
    inundação, israel, destroços, naufrágio, navio
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar