05:52 18 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Jesus Cristo

    Crítico ateu traz à tona revelação bíblica sobre existência de Jesus Cristo

    CC0 / Pexels
    Sociedade
    URL curta
    15135
    Nos siga no

    Richard Dawkins, conhecido por seu ateísmo e críticas ao criacionismo, fez uma afirmação chocante sobre a Bíblia, afirmando que Jesus Cristo pode ter existido.

    Em seu novo livro, chamado "Outgrowing God", ele admite que Jesus Cristo pode ter sido real, mas tem uma opinião diferente sobre o que é dito na Bíblia, escreve o tabloide britânico Express.

    "Sabemos que César e Guilherme, o Conquistador, existiram, porque os arqueólogos encontraram relíquias reveladoras e porque há muitas confirmações de documentos escritos quando estavam vivos […] Mas quando a única evidência de um evento ou pessoa foi escrita só décadas ou mesmo séculos após a morte de qualquer testemunha, os historiadores ficam desconfiados", conta o teórico.

    Segundo o autor, "a evidência é fraca porque foi transmitida de boca em boca e foi tendenciosa".

    Dawkins continua sugerindo que as histórias da Bíblia podem ter tido origem nas palavras de Jesus.

    'Narrativa boca a boca'

    "A menos que a história original fosse excepcionalmente simples e breve, ela terá se tornado muito diferente, muitas vezes de uma forma engraçada […] Não são apenas as palavras que mudam ao longo do tempo, mas detalhes importantes da própria história."

    Ele ainda explica que Jesus não era diferente de qualquer outro contador de histórias antigo. Falando de épocas anteriores, ele recorda como a narrativa oral funcionava.

    Escultura de Jesus Cristo (imagem referencial)
    Escultura de Jesus Cristo (imagem referencial)

    "Antes que a escrita fosse inventada e antes que a arqueologia científica começasse, a narrativa boca a boca, com todas as suas distorções […], era a única maneira de as pessoas aprenderem sobre a história […] E é terrivelmente pouco confiável", explica o escritor.

    "À medida que cada geração de contadores de histórias dá lugar à seguinte, a história torna-se cada vez mais confusa […] Eventualmente, a história - o que realmente aconteceu - se perde nos mitos e lendas", segundo Dawkins.

    Histórias figurativas

    Na Bíblia, os milagres de Jesus são ações sobrenaturais, que incluem cura pela fé, exorcismo, ressurreição, controle sobre a natureza e perdão dos pecados, sugere o escritor.

    Nos Evangelhos de Marcos, Mateus e Lucas, Jesus se recusa a dar um sinal milagroso para provar sua autoridade. No entanto, no Evangelho de João, diz-se que Jesus realizou sete milagres, desde transformar água em vinho até ressuscitar Lázaro dos mortos.

    Para muitos cristãos, estes são vistos como eventos reais, mas para outros, incluindo muitos cristãos liberais, eles são apenas histórias figurativas.

    Mais:

    Possível sítio da aparição de Jesus Cristo após ressurreição é descoberto em Israel
    Achado em Israel antigo mosaico retratador de um dos milagres de Jesus Cristo (FOTO)
    Arqueólogo faz revelações sobre suposto túmulo de Jesus
    Tags:
    Bíblia, Jesus Cristo
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar