14:11 16 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Teclado (imagem referencial)

    Google e Facebook monitoram visitas de usuários a sites pornô

    CC0
    Sociedade
    URL curta
    220
    Nos siga no

    Os gigantes da Internet Google e Facebook estão sempre monitorando os usuários mesmo quando estes navegam em sites pornográficos anonimamente, alertam pesquisadores.

    De acordo com pesquisas recentes realizadas por especialistas dos EUA, que analisaram cerca de 22.500 páginas web de pornografia, tais empresas como o Google e o Facebook estão registrando permanentemente dados pessoais de navegação nestes sites. Segundo especialistas, o Google tinha software de rastreamento em 74% dos sites pornográficos.

    Os rastreadores da empresa de software Oracle apareceram em 24% das páginas e o Facebook, que não permite conteúdo pornográfico ou imagens de corpos humanos nus em nenhuma de suas plataformas, tinha rastreadores em 10% dos sites analisados no estudo.

    No entanto, não está claro para onde vão os dados confidenciais porque o Google e o Facebook não colocam seus anúncios em páginas de conteúdo sexual pornográfico, observa o The New York Times.

    Servidores da empresa

    Embora os dados coletados sejam tecnicamente anônimos e não sejam usados para publicidade direcionada, eles permanecem nos servidores da empresa, de acordo com o estudo.

    A informação coletada em sites pornográficos é muito pessoal e, portanto, requer atenção adicional e o desenvolvimento de políticas de privacidade, dizem os especialistas.

    "Esses sites pornográficos precisam pensar mais sobre os dados que contêm e que são tão sensíveis quanto as informações de saúde", disse Elena Maris, pesquisadora de pós-doutoramento da Microsoft e principal autora do estudo, citado pela NYT.

    Proteção de dados

    "A proteção destes dados é crucial para a segurança de seus visitantes. E o que vimos sugere que esses sites e plataformas podem não ter pensado sobre isso como deveriam", acrescentou.

    Entretanto, o número de visitantes de sites pornô está aumentando de ano para ano. De acordo com o relatório de 2018 do PornHub, só o seu serviço tem cerca de 92 milhões de visitantes por dia.

    Mais:

    Mulher reconhece mãe e pai em cenas quentes ao ver pornô vintage
    Sargento britânico da Força Aérea Real é investigado devido à participação em vídeo pornô
    'Preso em flagrante': pornô é transmitido ao vivo durante documentário policial (VÍDEO)
    Tags:
    monitoramento, dados pessoais, Facebook, Google, pornô
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar