21:51 09 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Sociedade
    URL curta
    240
    Nos siga no

    Segundo estimativas, atualmente, a humanidade utiliza os recursos 50% mais rapidamente do que estes podem ser regenerados.

    As carências de alguns recursos foram subestimadas e podem mudar irreversivelmente a forma como vivemos.

    A pressão sobre recursos petrolíferos e metálicos não é de hoje, mas há outros problemas menos conhecidos de outros materiais essenciais que podem provocar grande aumento de preços e causar grandes retrocessos tecnológicos, além de conflitos globais nas próximas décadas.

    Desse ponto de vista, analisamos o futuro próximo desses possíveis choques de recursos que a humanidade pode vir a enfrentar.

    Hélio

    Apesar de o elemento hélio ser abundante no Universo, estando atrás apenas do hidrogênio, ele não é abundante na Terra, ou seja, não é possível elevar a sua produção quando estiver quase esgotado.

    Além disso, não pode ser substituído por outro qualquer elemento. O hélio permite à humanidade alcançar temperaturas próximas do zero absoluto (-273,15 C), que é fundamental para a pesquisa científica, industrial e médica.

     

     

    Dessa maneira, a sua escassez afetaria a pesquisa de supercondutores, fibras óticas, mísseis guiados e até mesmo o Grande Colisor de Hadron. Sendo assim, precisamos do hélio, mas nenhuma medida esta sendo tomada para evitar sua escassez.

    O hélio é formado através da decomposição de materiais radioativos como o urânio e o tório, sendo frequentemente encontrado em reservatórios subterrâneos de gás natural. Contudo, sua separação do gás natural é consideravelmente cara.

    Como resultado, o custo do hélio aumentou 250% nos últimos anos.

    Areia

    A areia é o principal componente do concreto, asfalto e do vidro, assim como de outros materiais de construção, além de ser parte integrante do silício utilizado na indústria eletrônica.

    É o segundo recurso mais utilizado no planeta, atrás apenas da água. A ONU estima que dois terços da população mundial viverão até 2050 em cidade com projetos de construção e de infraestrutura, que exigirão grandes quantidades de areia.

     

    Tempo passa como areia
    Tempo passa como areia

     

    Além disso, a elevação do nível do mar tornará necessária uma maior quantidade de areia, já que as barreiras de concreto são as mais adequadas contra as inundações costeiras. Contudo, quando a areia é extraída dos leitos dos rios e das linhas costeiras, isso aumenta ainda mais as inundações, criando um círculo vicioso.

    Vale destacar que a areia utilizada na indústria da construção civil é uma areia com grãos grossos e irregulares, diferente da areia existente nos desertos.

    Fósforo

    As rochas fosfáticas, encontrada apenas em alguns países, incluindo os EUA, a China e Marrocos, são um elemento fundamental para a fertilização e parte integrante da futura segurança alimentar da humanidade. Mas o fósforo está se esgotando.

    Marrocos controla três quartos das reservas mundiais deste recurso, e o chamado "pico do fósforo" provavelmente ocorrerá entre 2035 e 2075, segundo estimativas que têm em conta os atuais níveis de consumo, além dos níveis previstos.

     

    Fósforo
    Fósforo

     

    Atualmente, não há qualquer substituto para o fósforo na produção alimentar, além de não poder ser produzido ou sintetizado em laboratório.

    Um aumento súbito de 800% do preço do fósforo em 2008 causou protestos e suicídios entre os agricultores do mundo inteiro.

    A boa notícia é que o fósforo pode ser recapturado após a utilização e reciclado diversas vezes, se forem utilizadas técnicas corretas para retirá-lo dos resíduos humanos e animais, além dos resíduos dos alimentos e das colheitas.

    Mais:

    Supererupções solares batem na porta: surge possível data de perda catastrófica para humanidade
    Como um balão: descoberto exoplaneta inflado com hélio
    Coalizão liderada pelos EUA teria voltado a usar fósforo branco em ataques aéreos na Síria
    Tags:
    recursos energéticos, recursos minerais, recursos naturais, recursos, humanidade
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar