14:07 23 Maio 2019
Ouvir Rádio
    Escritório da Google na Suiça.

    Google encerra conselho de ética em inteligência artificial após uma semana de atividades

    © AP Photo / Keystone, Walter Bier, file
    Sociedade
    URL curta
    0 0 0

    O Google confirmou nesta quinta-feira (4) que desmobilizou um painel consultivo de ética em inteligência artificial, recentemente montado, em meio a controvérsias sobre seus membros.

    O fim do Conselho Consultivo Externo de Tecnologia Avançada (ATEAC na sigla em inglês) ocorre poucos dias depois que um grupo de funcionários do Google lançou uma campanha pública contra a presença do presidente da organização conservadora Heritage Foundation entre seus membros.

    Outro membro do conselho já havia renunciado, e a inclusão de um executivo de uma companhia de drone reacendeu as preocupações sobre potenciais usos militares da inteligência artificial, segundo o site de notícias Vox, que primeiro informou sobre o desmantelamento do conselho.

    "Ficou claro que no ambiente atual, o ATEAC não pode funcionar como queríamos", disse o Google à AFP. "Então, estamos terminando o conselho e voltando à prancheta."

    O Google acrescentou que buscaria formas alternativas de coletar informações externas sobre o uso responsável da inteligência artificial.

    Mais:

    Usuário 'entra' em armazém subterrâneo através do Google Maps (VÍDEO)
    França impõe imposto digital de 3% ao Google, Amazon e Facebook
    Google Maps captura suposto submarino da Alemanha Nazi na Antártida (FOTO)
    Segredos militares de Taiwan vêm à tona graças ao Google Maps (FOTOS)
    França multa Google em US$ 57 milhões
    Tags:
    Google
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar