10:51 22 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Kim Kardashian, celebridade estadunidense

    Volta da Momo: Kim Kardashian chama atenção contra desafio mortífero

    © AFP 2019 / Angela Weiss
    Sociedade
    URL curta
    0 30
    Nos siga no

    Um desafio assustador e com grandes chances de se tornar perigoso para crianças começou a ser propagado no YouTube Kids e, de alguma forma, foi aprovado pela moderação.

    Kim Kardashian apelou para seus 129 milhões de seguidores do Instagram em uma tentativa de alertar sobre o assustador Desafio da Momo, que teria provocado crianças a cometerem suicídios e outras ações prejudiciais. No Instagram, Kim publicou uma série de mensagens sinceras de pais preocupados. Ela marcou o YouTube e pediu ajuda. "Cuidado! Isso acabou de ser enviado para mim sobre o que tem sido inserido no YouTube Kids", escreveu Kim.

    "Monitorem o que as suas crianças estão assistindo!": Kim Kardashian, mãe de três filhos, adverte os pais sobre o horrível jogo on-line de suicídio Momo

    Em resposta, o YouTube escreveu para Kim Kardashian agradecendo-a e dizendo que relatos como esses são levados muito seriamente pela empresa. "Estamos nessa", escreveu o YouTube, dando link para resposta completa quanto aos vídeos da Momo em sua plataforma.

    O desafio ou "jogo suicida" funciona assim: pessoas desconhecidas se passam por Momo e entram em contato com crianças pelo WhatsApp. A boneca nada mais é do que uma obra de arte assustadora que retrata uma criatura metade mulher, metade pássaro, que foi exposta em 2016 em uma galeria japonesa de Tóquio. A escultura tem olhos esbugalhados, pele pálida, um sorriso sinistro e patas de pássaro.

    A Momo, em seguida, pede para que as crianças realizem pedidos, ameaçando com "consequências" se recusarem. As mensagens geralmente são acompanhadas por imagens assustadoras ou sangrentas.

    Recentemente, Momo invadiu outras plataformas, incluindo Facebook, YouTube e, o que preocupa mais, YouTube Kids, um aplicativo criado especificamente para crianças. No entanto, acontece que devido ao algoritmo de moderação do YouTube, os vídeos do Momo conseguiram burlar o controle.

    O que começa como um desenho infantil inocente pode rapidamente se transformar em um vídeo sinistro, cheio de violência. Em entrevista ao TMZ, um porta-voz do YouTube disse que, se tais vídeos existirem, serão qualificados como violações das regras do site e serão removidos imediatamente.

    No Brasil, adolescentes foram atingidos no ano passado pela boneca Momo tendo como resultado uma série de ações de suicídio. O caso de Arthur Luis Barros Santos no Pernambuco de 9 anos que foi encontrado pelos pais, no quintal de sua casa, na Zona Oeste do Recife, pendurado pelo pescoço em uma árvore.

    O jogo mortal foi compartilhado também em países como Argentina, México, Estados Unidos, França e Alemanha. Além do caso do menino Arthur, já há outros episódios de terror sendo atribuídos ao contato de crianças com a boneca Momo.

    Mais:

    YouTube é 'invadido' por caixas secretas com conteúdo macabro da dark web
    Cuidado com 'Momo', o desafio do WhatsApp que rouba suas informações pessoais
    Hackers removem do YouTube clipe 'Despacito' (FOTO)
    Tags:
    crianças, ameaça, bonecas, YouTube, Kim Kardashian
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar