06:17 23 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Cascata de fogo no Parque Nacional de Yosemite, EUA

    'Cascata de fogo' na Califórnia deixa todos boquiabertos (FOTOS)

    CC BY 2.0 / Jay Huang
    Sociedade
    URL curta
    0 80
    Nos siga no

    Fenômeno natural incrível parecido com lava correndo das falésias cobertas de neve é uma imagem rara, que acontece apenas por alguns minutos por dia, por poucos dias em cada ano, no Parque Nacional de Yosemite, EUA.

    A ilusão de "cascata de fogo", captada por fotógrafos da natureza, aparece quando a luz do pôr-do-sol cai com um determinado ângulo causando um brilho parecido com lava de cor de laranja correndo em cascata por 300 metros.

    Captar a "cascata de fogo" é uma tarefa difícil, já que é necessária uma cobertura de nuvens zero, bem como a quantidade de neve suficiente para criar queda de água.

    O fenômeno raro, que anualmente atrai centenas de visitantes, foi gravado pela primeira vez por exploradores da Califórnia na década de 1950, mas provavelmente já era conhecido pela população autóctone, de acordo com a mídia local.

    O evento, que ocorre ao entardecer em meados e fim de fevereiro, foi popularizado por Galen Rowell, que o fotografou em 1973.

    Considerado Património da Humanidade desde 1984, o Parque Nacional de Yosemite é um dos mais conhecidos e amados parques naturais dos EUA, sendo visitado por mais de 5 milhões de turistas por ano. Além da "cascata de fogo", o parque se destaca por sua diversidade de flora e fauna e abundância de atividades para visitantes, inclusive caminhadas, passeios de carro, escalada de rochas, rafting e esqui.

    Mais:

    Este é o 'segredo' escondido no meteorito que caiu em Cuba
    Bastam 15 milissegundos: essa ilusão de óptica pode 'confundir seu cérebro' (FOTO)
    'Células assassinas' poderiam ser a chave para erradicar a gripe
    Orca surge na Antártica e posa para selfie antes de mastigar petisco (FOTO, VÍDEO)
    Tags:
    Parque Nacional, lava, cascata, fotos, natureza, Califórnia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar