09:55 19 Maio 2019
Ouvir Rádio
    Papa Francisco no Panamá.

    Ser 'legal' não é o suficiente, diz Papa no Panamá

    © REUTERS / Henry Romero
    Sociedade
    URL curta
    1 0 0

    O Papa Francisco afirmou na Jornada Mundial da Juventude, no Panamá, que uma Igreja mais significativa é o segredo para atrair uma nova geração de fiéis - e não basta apenas tentar ser mais "legal" ou "descolado".

    O Papa, de 82 anos, foi recebido por dezenas de milhares de jovens como uma estrela do rock quando chegou para o evento em um parque com palmeiras nas margens da Baía do Panamá.

    Dezenas de jovens peregrinos ergueram uma gigantesca faixa amarela, azul e vermelha com a legenda "Ore pela Venezuela".

    Depois de chegar em seu papamóvel, dois jovens panamenhos acompanharam o Papa através de uma réplica das comportas do canal do Panamá.

    "Queremos dizer a você para não ter medo", disse o Papa, insistindo para que os jovens continuem com "energia renovada e inquietação". O Sumo Pontífice disse que uma Igreja mais "legal" não é o suficiente para buscar renovação.

    Francisco defendeu que a Igreja deve ter "frescor e a juventude constantes" e defendeu os imigrantes. Ele criticou os "temores e suspeitas" em relação aos imigrantes.

    "Por suas ações e sua abordagem, sua maneira de ver as coisas", ele disse aos jovens, "você desacredita e desarma o tipo de conversa que tem a intenção de semear divisão, de excluir ou rejeitar aqueles que não são 'como nós'."

    Mais:

    Papa Francisco celebra a maternidade na primeira missa do Ano Novo
    Papa Francisco diz que pode visitar Pyongyang se for oficialmente convidado
    Papa preocupado: governo sírio ignora ameaças dos EUA por planos para libertar Idlib
    Papa tem uma abordagem 'muito serena' com denúncias de abuso, diz secretário do Vaticano
    Papa pede perdão por abusos sexuais cometidos por padres
    Tags:
    Papa Francisco
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar