16:15 25 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Sociedade
    URL curta
    0 10
    Nos siga no

    Será enterrado nesta sexta-feira no Cemitério Nacional de Arlington o corpo de um piloto americano morto há mais de 70 anos em uma ilha do Pacífico.

    O segundo tenente Robert Keown pilotava uma aeronave P-38 quando caiu em Papua Nova Guiné em 1944, durante os combates da Segunda Guerra Mundial. Seus parentes nunca souberam o que aconteceu com ele, até novembro passado, quando testes genéticos confirmaram que restos mortais encontrados anos atrás na ilha pertenciam ao militar.

    "Em 6 de junho de 1944, o Jackson County Sentinel, em Scottsboro, Alabama, informou que o segundo tenente Robert Keown estava desaparecido em ação. Hoje, 74 anos depois, eles informaram que ele finalmente será enterrado em"... 

    Sobrinhas e sobrinhos serão os parentes mais próximos no funeral de Keown, que cresceu perto de Atlanta, em Lawrenceville, na Geórgia, antes de se mudar para Scottsboro, no Alabama.

    Seu pai morreu em 1937 e sua mãe, no ano de 1979. Os dois irmãos de Keown também morreram enquanto ele estava desaparecido, sendo o mais recente em 2015, segundo informou a Associated Press na noite desta quinta-feira.

    Mais:

    Oficial da Força Aérea americana desaparecido é encontrado 35 anos depois
    Tags:
    Atlanta, Lawrenceville, Geórgia, Alabama, Papua-Nova Guiné, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar