02:18 18 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Exercícios antiterroristas na Rússia

    8 conselhos a seguir de veterano russo de antiterror se você ficou no local de atentado

    © Sputnik / Grigory Sysoev
    Sociedade
    URL curta
    2202

    O atentado em Bruxelas mostrou mais uma vez que somos todos vulneráveis no mundo moderno, mesmo nos países “desenvolvidos”. Por isso a Sputnik resolveu falar com Vladimir Eliseev, veterano da divisão Antiterror e vice-presidente da Associação Internacional de Veteranos do Grupo Alfa (tropa antiterrorista de elite na Rússia).

    Ele deu oito conselhos para os que infelizmente se encontraram no local de um atentado:

    1. É preciso deixar o mais rápido possível o lugar do atentado

    Pode acontecer uma explosão repetida. Há uma possibilidade de desabamento do edifício no qual foi realizado o atentado. É possível ficar exposto à intoxicação por produtos de combustão ou poeira em resultado de destruição do edifício. É melhor cobrir o nariz e a boca com tecido qualquer para não inspirar partículas pequenas.

    2. Em caso de lesões é preciso pedir ajuda de médicos

    Via de regra, a ambulância chega rapidamente ao local de atentado. Você pode não reparar por si as lesões no estado de afeto, isto pode resultar em perda de sangue ou outras complicações, assim como desmaio e novos ferimentos.

    3. Não tocar em possessões de outros e objetos desconhecidos

    Dentro destes objetos podem estar componentes de bomba ou um explosivo que ainda não se ativou, especialmente no caso de malas, bolsas e mochilas. Se encontrar tal objeto, sem tocar nele, informe os funcionários de segurança.

    4. Executar precisamente e submeter-se às ordens e instruções dos funcionários de segurança

    Os funcionários de segurança são responsáveis pela evacuação organizada da zona do atentado, eles sabem em que direção é preciso mover para não se encontrar no local de destruições ou fumaça. É organizado um cordão para garantir saída das vítimas da zona do atentado ao local onde se pode ser oferecida ajuda medical e psicológica. 

    5. Não se submeter ao pânico

    Em estado de pânico muitos ficam sujeitos a lesões até a morte. É preciso evitar passeios estreitos se há outras saídas. Se há só uma saída, tente não ultrapassar os outros, proceda em sua ordem estrita – assim você poderá deixar o local de atentado mais rápido.

    6. Não correr junto com a multidão

    Além das lesões adquiridas durante o atentado há um risco de ser calcado por pessoas que correm. Você não sabe para onde correm as pessoas e pode encontrar-se em nova zona de ataque.

    7. Se não tem lesões, olhe à sua volta

    Tente memorizar as pessoas e os objetos – o terrorista pode ficar perto. Informe os funcionários de segurança ou médicos sobre tudo suspeito ou o que atraiu a sua atenção. Isto ajudará a evitar atentado repetido. 

    8. Depois de ficar em segurança

    Tente fixar na memória todos os detalhes que atraíram a sua atenção. A informação será precisa mais tarde, durante inquérito – assim você ajudará na investigação do atentado.

    Tags:
    conselho, atentado, terrorismo, Bélgica, Bruxelas
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik