14:40 21 Julho 2018
Ouvir Rádio
    Uma mulher coloca flores no aeroporto Rostov-no-Don, onde o avião de passageiros Boeing-737-800 caiu na aterrissagem.

    Como evitar a morte: turista que sobreviveu à queda do avião da FlyDubai conta como foi

    © Sputnik / Sergey Pivovarov
    Sociedade
    URL curta
    16150

    Uma menina russa ganhou literalmente uma segunda chance na vida depois de ter perdido o voo da FlyDubai que caiu em Rostov-no-Don ao tentar pousar em meio a condições climáticas adversas e que resultou na morte de todos os 62 passageiros e tripulantes a bordo.

    Em uma entrevista ao canal televisivo russo LifeNews, Elvira Isayeva disse que ela tinha perdido a transferência para o aeroporto depois de uma festa com os seus amigos na noite anterior.

    "Eu não sei como tudo aconteceu… Nós estávamos comemorando o aniversário de um amigo e eu simplesmente perdi a hora, é tudo. Quando acordei eu recebi um telefonema de Rostov. Alguém perguntou com a voz trêmula se eu estava viva. Eu disse 'sim' e voltei para a cama. E então, quando acordei, vi todas estas notícias e fiquei aterrorizada ", disse Elvira.

    Ela acrescentou que conhecia muitas das pessoas que morreram no acidente.

    "Eu não sei se sou apenas uma pessoa com sorte, se tenho um anjo da guarda ou se são as orações da minha mãe [que me salvaram], mas eu estou completamente horrorizada», disse ela.

    Um Boeing-737-800 da FlyDubai em rota de Dubai para Rostov-no-Don caiu no aeroporto desta cidade às 3h40 (21h40, horário de Brasília) no sábado (19) depois de perder a pista em meio à fraca visibilidade e más condições atmosféricas. Todas as 62 pessoas a bordo, incluindo 55 passageiros e sete tripulantes, morreram no acidente.

    Destroços do Boeing 737-800 que caiui no aeroporto de Rostov-no-Don, Rússia, 19 de março de 2016
    © Foto : Ministério para Situções de Emergência da Rússia
    De acordo com o Comitê de Investigação, a tripulação não conseguiu pousar o avião durante a primeira tentativa e passou mais de duas horas voando ao redor do aeroporto na esperança de encontrar um bom momento para o outro pouso. O avião se explodiu ao tocar o solo.

    Especialistas estrangeiros estão começando a chegar em Rostov-no-Don para ajudar o Comitê de Investigação russo, cujos representantes estão no local do acidente.

    Enquanto isso, o Comitê está considerando três versões principais da tragédia: más condições meteorológicas, falha técnica e erro humano.

    Mais:

    Avião da FlyDubai cai em Rostov-no-Don, não há sobreviventes
    EUA prometem ajuda à Rússia em inquérito sobre acidente da FlyDubai
    Tags:
    acidente aéreo, FlyDubai, Rússia, Rostov-no-Don
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik