01:12 17 Julho 2018
Ouvir Rádio
    Refugiados atravessando o rio Suva

    Refugiados tentam cruzar rio na fronteira

    Screenshot: YouTube
    Sociedade
    URL curta
    220

    Refugiados e migrantes estão tentando cruzar o rio Suva perto da cidade de Chamilo, na fronteira entre a Grécia e Macedônia.

    Na manhã desta segunda-feira (14), os corpos de dois homens e uma mulher foram encontrados no rio.

    A fronteira entre a Grécia e a Macedônia foi fechada para reduzir o fluxo de imigrantes. A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, confirmou que a decisão é favorável para a Alemanha, porém manifestou-se cética em relação a este passo.

    "É um fato que ter menos gente que chega aqui é vantajoso para a Alemanha no momento atual. Isso é resultado do fechamento da fronteira macedônio-grega, e eu estou dizendo especificamente nesta ordem", ressaltou Merkel hoje.

    Eleições

    No domingo, dia 13, a Alemanha teve eleições regionais. O partido da chanceler, CDU (União Democrata-Cristã, na sigla em alemão), perdeu nos estados da Alta Saxônia, Baden-Wurtemberg e Renânia-Palatinado.

    "Foi um dia difícil para a CDU", disse Merkel, comentando a mudança de ânimo nos eleitores.

    Ela opinou que foi o tema dos refugiados que influiu mais nos votantes.

    Os refugiados são um tema importante para a União Europeia (UE) e outros países europeus não alinhados no âmbito desta formação. A Alemanha, como um dos principais jogadores na UE, insiste na sua política de acolhimento de refugiados.

    Tags:
    refugiados, Macedônia, Grécia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik