04:38 21 Outubro 2017
Ouvir Rádio
    Avião da empresa Germanwings

    Um dos pilotos do A320 saiu da cabine antes do acidente

    © REUTERS/ Jan Seba
    Sociedade
    URL curta
    0 26511

    Um dos pilotos do avião Airbus A320 da companhia aérea Germanwings, que caiu em França nesta terça-feira (24), tinha saído da cabine antes do acidente e não conseguiu voltar, escreve o jornal The New York Times.

    Os resultados preliminares da análise da caixa-preta do avião mostra que quando o piloto quis voltar à cabine, ele bateu na porta e tentou quebrá-la mas sem resultado. Porém, a companhia aérea Lufthansa disse à agência DPA que ainda não pode confirmar a informação divulgada pelo jornal norte-americano. 

    Anteriormente o chefe do departamento de aviação da agência de segurança de transporte da Finlândia, Pekka Henttu, alegando dados oficiais, disse ao canal televisivo Yle que os pilotos podiam estar inconscientes no momento do acidente. “A decifragem da gravação mostrou que os pilotos aparentemente estavam no estado de inconsciência. A queda não era constante, de vez em quando o avião retomava o estado horizontal”, manifestou.

    O voo 4U 9525 da Germanwings fazia a rota entre Barcelona, na Espanha, e Dusseldorf, na Alemanha. A bordo do avião modelo Airbus A320 seguiam 150 pessoas — 144 passageiros e seis tripulantes. 

    O Departamento Francês de Investigação e Análise da Segurança da Aviação Civil iniciou uma investigação do acidente.

    Tags:
    acidente, avião, vítimas, Alemanha, França
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik