Construção do estádio Arena Samara

Usinas e fábricas de Samara podem ser fechadas para dar ar fresco aos turistas na Copa

© Sputnik / Anar Movsumov
Samara
URL curta
Copa à vista: Rússia se prepara para maior evento de futebol (68)
230

Nesta semana, das cidades russas que vão sediar a Copa do Mundo começaram a surgir notícias quanto à suspensão de produções nocivas durante realização do evento esportivo. Em especial, usinas e fábricas que usam "radiação iônica, perigosas substâncias químicas e biológicas, bem como radioativas, tóxicas e explosivas".

A prática do fechamento de produção nociva antes dos eventos esportivos mundiais é bastante rara. Em 2008, nos arredores de Pequim, foi suspenso o funcionamento de 200 usinas, tentando, assim, escapar da névoa poluída típica no país, escreve o jornal russo Komsomolskaya Pravda.

A fábrica Togliattiazot é uma das empresas maiores da região de Samara. Mas ela não planeja interromper seu funcionamento, prometendo somente reforçar medidas de segurança durante a Copa.

Os diretores explicaram que a fábrica está no início de uma cadeia de produção e de logística muito longa, que conta com participação de muitas organizações na Rússia e no exterior, ou seja, interrupção do fornecimento da produção por muito tempo afetaria negativamente todos os envolvidos, e descumprimento perante os clientes, incluindo os parceiros estrangeiros, levaria a enormes perdas financeiras para a fábrica.

Contudo, a União de Industriais e Empresários da Rússia destacam que são infundadas as conversas sobre fechamento temporário das fábricas em Samara.

Ainda é incerto como as fábricas e usinas poderiam sobreviver, caso sejam proibidas de funcionar por muito tempo. Em particular, não se sabe quem vai pagar aos funcionários, que podem ser obrigados a ficar em férias irremuneráveis.

A Copa do Mundo FIFA 2018 será disputada entre 14 de junho e 15 de julho. Onze cidades russas foram escolhidas para receber jogos: Volgogrado, Ekaterinburgo, Kazan, Kaliningrado, Moscou, Nizhny Novgorod, Rostov-no-Don, Samara, São Petersburgo, Saransk e Sochi.

Tema:
Copa à vista: Rússia se prepara para maior evento de futebol (68)

Mais:

Beijos, cerveja e passeios noturnos: Kaliningrado traçará rotas raras aos turistas na Copa
Menor sede da Copa de 2018 abrirá zonas com shows, comes e bebes para alegria dos turistas
Volgogrado contará com estação de trem sustentável para conforto dos turistas na Copa
Tags:
campeonato, empresas, futebol, esporte, Copa do Mundo, Samara, Rússia
Padrões da comunidadeDiscussão
Comentar no FacebookComentar na Sputnik
  • Comentar