Policial russo (arquivo)

Número impressionante de policiais manterá ordem nas ruas durante Copa 2018 na Rússia

© Sputnik / Ilia Gorbunov
São Petersburgo
URL curta
Copa à vista: Rússia se prepara para maior evento de futebol (68)
480
Nos siga no

Cerca de 11 mil policiais vão empreender atividades para manutenção adequada da ordem pública durante a Copa do Mundo 2018 na segunda maior cidade russa, São Petersburgo, disse o chefe da polícia local nesta quarta-feira (24).

"Cada dia, haverá 11 mil elementos trabalhando; outros 4.500 de forças relacionadas estarão operando na cidade ajudando a manter a ordem. Voluntários, empresas de segurança privadas e membros de entidades de policiamento público também foram envolvidos [na manutenção da ordem durante a Copa d Mundo 2018]", informou Sergei Umnov durante uma sessão no parlamento local em São Petersburgo.

As forças já foram treinadas a realizar diferentes atividades para aplicação de lei no decorrer da Copa das Confederações que teve lugar em várias cidades russas, inclusive em São Petersburgo, em 2017, adiantou Umnov.

A Rússia vai sediar a Copa 2018, pela primeira vez na história, de 14 de junho a 15 de julho de 2018. Os jogos se decorrerão em 11 cidades russas: Volgogrado, Ekaterinburgo, Kazan, Kaliningrado, Moscou, Nizhny Novgorod, Rostov-no-Don, Samara, São Petersburgo, Saransk e Sochi.

Várias forças de segurança russas foram envolvidas pelas autoridades russas nos preparativos para a Copa com o fim de garantir a ordem pública durante o evento, inclusive a Guarda Nacional da Rússia (Rosgvardia) e dezenas de milhares de bombeiros e equipes de resgate.

Tema:
Copa à vista: Rússia se prepara para maior evento de futebol (68)

Mais:

Beijos, cerveja e passeios noturnos: Kaliningrado traçará rotas raras aos turistas na Copa
Menor sede da Copa de 2018 abrirá zonas com shows, comes e bebes para alegria dos turistas
Turistas terão chance de se hospedar em 'hotéis flutuantes' no rio Volga em plena Copa
Tags:
polícia, futebol, Copa do Mundo de 2018, FIFA, São Petersburgo, Rússia
Padrões da comunidadeDiscussão
Comentar no FacebookComentar na Sputnik
  • Comentar