12:45 05 Agosto 2021
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    COVID-19 no mundo em meados de junho de 2021 (15)
    0 273
    Nos siga no

    O porta-voz do presidente russo, Dmitry Peskov, chamou de bobagem total as palavras sobre fracasso da campanha de vacinação contra o coronavírus na Rússia, declarando que foram asseguradas todas as condições necessárias para imunização dos cidadãos russos.

    Comentando as opiniões expressas de que o combate à COVID-19 na Rússia falhou no nível do país, o porta-voz presidencial disse aos jornalistas: "É bobagem total. Não sei quem diz isso, mas é, pelo menos, uma pessoa ignorante".

    "Não devemos esquecer que essa infecção é insidiosa", adicionou ele, relembrando também que todos os países enfrentam diferentes amplitudes das ondas do coronavírus.

    "Outra coisa é que sim, nós estamos atrasados na taxa de vacinação, em comparação com muitos países estamos atrasados. Nisso nós obtivemos pouco sucesso, mas não porque falta algo. Há de tudo mais do que suficiente e mais do que é preciso. Tudo isso foi assegurado, toda a infraestrutura foi criada há vários meses", afirmou.

    Além disso, os jornalistas pediram que o porta-voz avaliasse a eficiência da "propaganda" em relação à vacinação.

    "Talvez, visto que a taxa é baixa, então também devemos reconhecer que ela não foi tão eficiente como gostaríamos", admitiu Peskov.

    Nesta semana, o prefeito de Moscou, Sergei Sobyanin, anunciou novas restrições devido ao aumento do número diário de casos da COVID-19 na capital russa. Foi introduzida vacinação obrigatória para ao menos 60% dos empregados nos setores do comércio, serviços, transporte, saúde, educação, restaurantes e serviços comunitários.

    Tema:
    COVID-19 no mundo em meados de junho de 2021 (15)

    Mais:

    DF e mais 6 estados pedem autorização da Anvisa para uso emergencial da Sputnik V
    Importação excepcional da vacina Sputnik V é autorizada para mais 7 estados pela Anvisa
    Vacina Sputnik V vai chegar ao Brasil no início de julho, diz governador do Ceará
    Tags:
    COVID-19, vacinação, Rússia, Dmitry Peskov
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar