15:10 11 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    10250
    Nos siga no

    Vladimir Putin convidou todos os países para projetos de combate às alterações climáticas e afirmou que a Rússia está pronta para oferecer uma ampla gama de programas conjuntos na esfera climática. Além disso, relatou a realização russa de redução das emissões de gases de efeito estufa.

    Nesta quinta-feira (22), o presidente da Rússia, Vladimir Putin, ao discursar na Cúpula do Clima organizada pelo presidente dos EUA, Joe Biden, convidou todos os países a participarem de projetos internacionais conjuntos para combater as mudanças climáticas.

    "Convidamos todos os países interessados para pesquisas científicas conjuntas, investir em equipe em projetos climáticos significativos e se dedicar mais ativamente ao desenvolvimento de tecnologias de baixo carbono para mitigação das consequências e adaptação às mudanças climáticas", declarou Putin.

    A Rússia está executando a meta de redução das emissões de gases de efeito estufa, segundo o presidente russo. Na quarta-feira (21), durante discurso anual perante a Assembleia Federal, Putin definiu limitação significativa do volume acumulado de emissões líquidas na Rússia até 2050.

    "Apesar do tamanho da Rússia, das peculiaridades geográficas, do clima e da estrutura da economia, esta tarefa, tenho certeza, é realizável", afirmou Putin.

    Putin lembrou que, em comparação a 1990, a Rússia reduziu muito mais as emissões de gases de efeito estufa do que muitos outros países.

    "Essas emissões caíram pela metade, de 3,1 bilhões de toneladas equivalentes a CO2 para 1,6 bilhão de toneladas. Trata-se do resultado da reestruturação radical da indústria e do setor de energia russos nos últimos 20 anos", sublinhou o líder russo.

    O presidente Vladimir Putin ainda adicionou que 45% do balanço energético russo hoje consiste em fontes de energia de baixa emissão, inclusive a energia nuclear.
    Os participantes da Cúpula do Clima estão interessados em intensificar os esforços internacionais para resolver o problema das mudanças climáticas, disse o presidente russo, Vladimir Putin.

    "Nossa discussão de hoje demonstra quão profundamente todos nós compartilhamos a preocupação relacionada às mudanças climáticas e quão interessados estamos em intensificar os esforços internacionais para resolver este problema", afirmou Putin durante seu discurso on-line.

    O presidente da Rússia destacou que o destino de todo o planeta, as perspectivas de desenvolvimento de cada país, bem-estar e qualidade da vida das pessoas dependem em grande parte destes esforços.

    A Rússia está pronta para oferecer uma ampla gama de projetos conjuntos sobre o clima e considerar as preferências das empresas estrangeiras dispostas a trabalhar em um ambiente ecológico, declarou o presidente Putin.

    Mais:

    Cúpula do Clima: Comissão Arns espera que Joe Biden 'possa conter políticas de Ricardo Salles'
    Especialistas divergem: o Brasil conseguirá apresentar um cronograma de redução do desmatamento?
    Xi Jinping anuncia que participará de cúpula do clima após convite de Biden
    Mourão desmente números de ONG, e diz que houve redução no desmatamento na Amazônia
    Tags:
    Joe Biden, mudança climática, alterações climáticas, clima, Vladimir Putin, Vladimir
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar