15:21 11 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    6364
    Nos siga no

    Vladimir Putin, presidente da Rússia, enviou nesta terça-feira (20) saudações ao ex-líder do Partido Comunista de Cuba, Raúl Castro, que entregou o cargo em 16 de março para Miguel Díaz-Canel.

    Vladimir Putin disse estar confiante de que "a implementação das decisões adotadas pelo congresso [cubano] ajudarão a resolver com sucesso as questões socioeconômicas que seu país enfrenta".

    Em seguida, ele elogiou Raúl Castro: "Ao longo de décadas de trabalho em altas posições partidárias e estatais, você fez muito por Cuba e conquistou o merecido respeito de seus compatriotas e o alto prestígio no exterior".

    "É difícil superestimar sua contribuição pessoal para expandir as relações amistosas entre russos e cubanos e elevá-las ao nível de parceria estratégica. Estou confiante de que a cooperação construtiva entre nossos Estados continuará a se fortalecer em todas as áreas", concluiu o presidente da Rússia.

    O congresso do Partido Comunista de Cuba aconteceu nesta semana e concretizou a saída de Raúl Castro, irmão do ex-presidente Fidel Castro, da liderança do partido. Após um período de seis décadas sob o comando da família Castro, Cuba elegeu Miguel Díaz-Canel ao cargo de primeiro-secretário do Partido Comunista.

    Vladimir Putin enviou saudações a Raúl Castro Ruz após o oitavo Congresso do Partido Comunista de Cuba.

    Durante a gestão de Raúl Castro, entre 2008 e 2018, o governo cubano promoveu mudanças importantes na ilha, como o reconhecimento do trabalho privado; a autorização de compra e venda de carros e casas, até então proibida em Cuba; a reestruturação de ministérios e agências para buscar dar mais vitalidade à economia nacional; e o relaxamento das restrições migratórias.

    Presidente da Rússia, Vladimir Putin, e o então presidente cubano Raul Castro, à direita, se abraçam durante reunião em Moscou, em 7 de maio de 2015
    © AP Photo / Anatoly Maltsev
    Presidente da Rússia, Vladimir Putin, e o então presidente cubano Raul Castro, à direita, se abraçam durante reunião em Moscou, em 7 de maio de 2015

    Mais:

    Cuba ergue bandeira de concreto de 12 metros em frente à embaixada dos EUA em Havana (FOTOS)
    UE aceita agir como mediadora nas relações entre Cuba e EUA, informa mídia
    Prisioneiros do campo mais secreto de Guantánamo são transferidos para base dos EUA em Cuba
    Tags:
    Miguel Díaz Canel, Partido Comunista de Cuba, Vladimir Putin, Raúl Castro, Rússia, Cuba
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar