11:43 13 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    3192
    Nos siga no

    O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, comentou a publicação do jornal Sunday Times sobre uma segunda tentativa de envenenar o opositor russo Aleksei Navalny.

    "No fim das contas, o Sunday Times é [um jornal para ser] lido aos domingos de roupão. Como falar para vocês o que vocês sabem, há informações falsas, bem como há mensagens que talvez possam ser ditas desta forma em inglês [...] em inglês há a palavra bullshit [baboseira]. Bem, isso é uma baboseira. Não vou falar mais nada", afirmou Peskov.

    A publicação do Sunday Times surgiu um dia depois do vasto esclarecimento do presidente russo Vladimir Putin sobre a rejeição da Alemanha em colaborar no incidente envolvendo Navalny.

    Na publicação, é citado que "os agentes do órgão federal de segurança [da Rússia] tentaram assassinar" Navalny "pela segunda vez", quando o opositor estava em coma induzido no hospital de Omsk.

    Sem apresentar provas, os jornalistas expuseram a hipótese, citando fontes anônimas do serviço secreto alemão.

    Caso Navalny

    Em 20 de agosto deste ano, o oposicionista russo Aleksei Navalny se sentiu mal durante viagem de avião da cidade de Tomsk para Moscou, ambas na Rússia.

    Após dois dias internado na cidade de Omsk, Navalny foi transferido para a clínica Charité em Berlim, Alemanha.

    Posteriormente, autoridades da Alemanha e de outros países europeus afirmaram que testes clínicos apontaram que Navalny foi alvo de envenenamento por alguma substância do grupo Novichok.

    Por sua vez, a Rússia por inúmeras vezes pediu a realização de uma investigação conjunta para determinar a causa do mal-estar de Navalny, ao passo que desenvolvedores do Novichok afirmam que se Navalny tivesse sido envenenado com esse agente químico ele não teria sobrevivido.

    Mais:

    Rússia rotula como mentira declarações de não estar pronta para diálogo com Alemanha no caso Navalny
    Kremlin: Navalny está trabalhando com agentes da CIA
    'Padrão duplo': Berlim não acolheu Assange ou Snowden, e albergou Navalny, critica deputado alemão
    Tags:
    opositor, Alemanha, publicação, Aleksey Navalny, Dmitry Peskov, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar