23:33 15 Janeiro 2021
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    COVID-19 no mundo no fim de novembro (67)
    1121
    Nos siga no

    Moscou está pronta para uma vacinação em massa contra COVID-19 e atualmente espera grandes suprimentos de vacina, disse nesta quinta-feira (26) o prefeito Sergei Sobyanin.

    O prefeito de Moscou, Sergei Sobyanin, disse que não há planos para colocar Moscou em lockdown, embora a Rússia tenha relatado um número recorde de novas infecções por coronavírus e mortes nas últimas semanas.

    "Estamos prontos para a vacinação em massa. Temos cerca de 300 pontos de vacinação, munidos com todo o equipamento necessário, geladeiras, etc, e todo o pessoal necessário. Foi criado um sistema eletrônico informacional para os moradores da cidade fazerem o agendamento livre da vacinação. Tudo isto está pronto, estamos mesmo no início", afirmou o prefeito ao canal de TV Rossiya 24.
    Funcionária de laboratório realiza testes com vacina Sputnik V contra a COVID-19, em Moscou, Rússia, 10 de setembro de 2020
    © Sputnik / Vladimir Pesnya
    Funcionária de laboratório realiza testes com vacina Sputnik V contra a COVID-19, em Moscou, Rússia, 10 de setembro de 2020

    A Rússia diz que sua vacina Sputnik V é 95% eficaz na proteção de pessoas contra COVID-19.

    A Sputnik V terá um preço duas vezes menor do que as concorrentes e poderá ser armazenada entre 2 °C e 8 °C, de acordo com o diretor-geral do Fundo Russo de Investimentos Diretos (RFPI, na sigla em russo), Kirill Dmitriev.

    Tema:
    COVID-19 no mundo no fim de novembro (67)

    Mais:

    Problema em tubulação de oxigênio provoca susto em hospital para pacientes da COVID-19 em Moscou
    Moscou lamenta posição dos EUA sobre conferência de refugiados em Damasco
    Seul criará fundação para cooperar com Moscou no setor de energia de hidrogênio
    Tags:
    lockdown, Sputnik V, governo, vacina, novo coronavírus, COVID-19, Moscou, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar