01:32 24 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    Pandemia de COVID-19 no mundo em meados de novembro (90)
    0 10
    Nos siga no

    Na Rússia, quase 900 mil pessoas doentes com a COVID-19 estão sob observação médica, informou o ministro da Saúde do país, Mikhail Murashko.

    "A situação com o coronavírus atualmente é muito tensa. O número de pessoas doentes no país que estão sob controle médico é de quase 900 mil pessoas", disse Murashko em entrevista nesta sexta-feira (13) ao canal de televisão russo Rossiya 1.

    ​De acordo com o balanço oficial atualizado na manhã desta sexta-feira (13), um total de 1.880.551 casos de infecção por coronavírus foram registrados na Rússia, incluindo 1.406.903 recuperações.

    O ministro disse que atualmente 75% dos pacientes com a COVID-19 no país recebem tratamento em casa, enquanto os 25% restantes estão hospitalizados.

    "É um fardo muito pesado para o sistema de saúde", afirmou.

    Murashko disse que atualmente na Rússia "260 mil leitos hospitalares estão disponíveis" para o tratamento de pessoas infectadas pelo coronavírus. "Há regiões onde vemos que a ocupação dos leitos é de 90 por cento", concluiu.

    Enfermeira prepara a vacina russa Sputnik V contra a doença do coronavírus (COVID-19) para inoculação em uma fase de testes pós-registro de uma clínica em Moscou, Rússia, 17 de setembro de 2020
    © REUTERS / Tatyana Makeeva
    Vacina russa Sputnik V sendo preparada
    Tema:
    Pandemia de COVID-19 no mundo em meados de novembro (90)

    Mais:

    Xi Jinping apela a Rússia e parceiros asiáticos para se oporem à interferência de 'forças externas'
    Ressurgimento de militarismo japonês é nova ameaça para China e Rússia?
    Ministros das Relações Exteriores de Rússia e Armênia discutem acordo de Nagorno-Karabakh
    Tags:
    saúde, Moscou, Rússia, COVID-19
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar