12:32 20 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    Coronavírus no mundo no início de setembro (48)
    180
    Nos siga no

    A pandemia da COVID-19 elevou os âmbitos de cooperação da Rússia com países da América Latina na esfera de altas tecnologias e técnico-militar.

    Atualmente, Moscou negocia a fabricação conjunta de medicamentos russos contra a COVID-19, segundo o ministro russo das Relações Exteriores, Sergei Lavrov, durante seu discurso no Instituto Estatal de Relações Internacionais de Moscou.

    "A esfera de nossos esforços em conjunto com países latino-americanos é muito diversificada: é de uma cooperação de alta tecnologia e técnico-militar, e, obviamente, de luta contra o crime organizado, através do treinamento policial em centros regionais, que foram especialmente estabelecidos no Peru e na Nicarágua, além da cooperação na luta contra a COVID-19", afirmou o ministro.

    De acordo com o ministro, diversos sistemas de teste foram fornecidos a muitos países da região e, no momento, estão sendo negociados o fornecimento e a fabricação de medicamentos e vacinas russas em fábricas de países latino-americanos parceiros.

    Medicamento contra COVID-19 produzido na Rússia com base na substância experimental antiviral Favipiravir
    © Sputnik / Aleksei Maishev
    Medicamento contra COVID-19 produzido na Rússia com base na substância experimental antiviral Favipiravir

    "Nós fornecemos a muitos países da região [latino-americana] sistemas de teste e agora estamos negociando com uma série de países o fornecimento de vacina e medicamentos russos, e a produção conjunta de medicamentos e vacina de origem russa em fábricas nestes países."

    Pesquisadores russos criaram a vacina Sputnik V e também o medicamento Avifavir, cujo fabricante afirma que alivia os sintomas e reduz pela metade o avanço da doença em comparação com uma terapia padrão.

    Tema:
    Coronavírus no mundo no início de setembro (48)

    Mais:

    Rússia fecha contrato para exportar Avifavir a 7 países da América Latina
    Avifavir: Brasil é um dos países que já comprou droga russa contra COVID-19, diz CEO da empresa
    Chile autoriza importação do medicamento russo Avifavir contra COVID-19
    Tags:
    América Latina, Rússia, novo coronavírus, COVID-19, medicamentos, medicamento
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar