06:57 28 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    5342
    Nos siga no

    A representante oficial do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova, declarou nesta quinta-feira (20) que a iniciativa dos EUA de restabelecer as sanções da ONU contra o Irã fracassará.

    De acordo com a diplomata, as ações de Washington, que qualificou de "imprudentes", "podem causar uma crise muito profunda no Conselho de Segurança".

    "As iniciativas dos Estados Unidos para restabelecer as sanções do Conselho de Segurança da ONU contra o Irã, canceladas após a assinatura do Plano de Ação Conjunto Global [JCPOA, na sigla em inglês][...] carecem de fundamento legal e inevitavelmente falharão", disse Zakharova em coletiva de imprensa.

    A diplomata enfatizou que a Rússia condena "a intenção dos EUA de continuar o curso que visa destruir o Plano de Ação Conjunto Global e minar a resolução 2231 do Conselho de Segurança da ONU".

    Neste contexto, Maria Zakharova exortou todos os países a rejeitar a iniciativa dos EUA.

    O secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, planeja viajar às Nações Unidas no dia 20 de agosto para informar ao Conselho de Segurança da decisão de Washington de iniciar o restabelecimento de todas as sanções da contra Teerã, além de estender o embargo de armas contra o Irã.

    Mais:

    Emirados Árabes Unidos reagem e afirmam que acordo com Israel não é direcionado ao Irã
    'Culpa dos EUA': Irã diz duvidar que cúpula proposta por Putin vá dar resultados
    'É uma restauração imediata': Trump promete restauração de todas as sanções contra Irã
    China garante: EUA não têm o direito de reimpor sanções da ONU ao Irã
    Tags:
    ONU, Conselho de Segurança, Irã, Rússia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar