04:10 04 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    4910
    Nos siga no

    O presidente norte-americano, Donald Trump, declarou nesta sexta-feira (31) que os EUA ficarão felizes em fechar o acordo sobre armas nucleares com a Rússia.

    "Estamos trabalhando agora com a Rússia em um acordo de não-proliferação, um acordo de não-proliferação nuclear. Se tivermos algo assim, seria ótimo", disse Trump a repórteres.

    Entre os dias 27 e 30 de julho, as delegações interdepartamentais da Rússia e dos Estados Unidos se reuniram em Viena no âmbito de um diálogo estratégico bilateral no formato de sucessivos grupos de trabalho de especialistas em segurança espacial e potenciais. 

    Base militar americana com armas nucleares (foto de arquivo)
    © AP Photo / Juan Carlos Llorca
    Base militar americana com armas nucleares (foto de arquivo)

    Na última quinta-feira (30) o presidente dos EUA, Donald Trump, e o presidente da Rússia, Vladimir Putin, discutiram o futuro do Novo Tratado de Redução de Armas Estratégicas (START III).

    O Tratado de Forças Nucleares de Alcance Intermediário EUA-Rússia (INF, na sigla em inglês), que vetava mísseis lançados em terra com capacidade nuclear e com alcance entre 500 km e 5.500 km, terminou no ano passado, depois que os EUA se retiraram, argumentando temores de que o acordo minasse seus interesses de segurança nacional.

    Mais:

    Será que Rússia foi excluída do G8 por 'vitórias na política externa', como diz Trump?
    WP: Trump confirma ter autorizado ciberataque contra Rússia em 2018
    'Trump quer recompensar Kremlin', diz senador dos EUA em resolução contra inclusão russa no G7
    Tags:
    acordo, Donald Trump, Rússia, EUA, armas nucleares
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar