05:47 26 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    4140
    Nos siga no

    O ministro da Energia da Rússia, Aleksandr Novak, disse que as sanções dos EUA impedem o desenvolvimento de cooperação mutuamente benéfica entre os dois países.

    Em 6 de fevereiro, o ministro da Energia da Rússia, Aleksandr Novak, e o embaixador dos EUA em Moscou, John Sullivan, examinaram a atual cooperação energética durante uma reunião em Moscou.

    "Durante a reunião, Aleksandr Novak e John Sullivan discutiram o estado atual da cooperação bilateral no setor de energia", diz um comunicado da pasta russa publicada em seu site.

    O ministro russo, por sua vez, destacou as atividades conjuntas de empresas russas e norte-americanas na Rússia, mas disse que "as sanções dos EUA impedem o desenvolvimento de cooperação mutuamente benéfica" dos dois países e "são um exemplo de concorrência desleal".

    Ao mesmo tempo, o Ministro da Energia da Rússia enfatizou que a Rússia está disposta a colaborar com os EUA no campo da energia, inclusive na ecologia e na análise da situação no mercado de petróleo e gás.

    Mais:

    Novas fragatas russas têm vantagem 'esmagadora' sobre as dos EUA, aponta revista norte-americana
    EUA propõem que Bielorrússia compre seu petróleo ao invés do russo
    Rússia se torna um dos maiores fornecedores de petróleo dos EUA
    Tags:
    energia, cooperação, sanções, Rússia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar