16:00 24 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    3200
    Nos siga no

    O ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, se reuniu recentemente com o presidente dos EUA, Donald Trump, em Washington. Em entrevista, Lavrov revelou as peculiaridades de negociar com o líder norte-americano.

    O ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, revelou detalhes da atmosfera e do estilo de negociação do presidente dos EUA, Donald Trump, após encontro realizado em 11 de dezembro, na Casa Branca.

    "Gosto da forma como Trump discute os assuntos da agenda internacional. Ele evita ambiguidades e tenta falar o que pensa de forma direta", disse Lavrov em entrevista ao canal russo Pervy.

    Essa "abordagem produtiva" é rara entre os políticos, e permite que as partes "compreendam melhor quais as dificuldades e perspectivas das relações", contou o chanceler.

    Ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, sorri durante reunião em Moscou (foto de arquivo)
    © AP Photo / Alexander Zemlianichenko
    Ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, sorri durante reunião em Moscou (foto de arquivo)

    De acordo com Lavrov, a reunião com Trump foi "substancial" e tratou de "dezenas de assuntos fundamentais", incluindo a estabilidade estratégica, controle de armas, questão norte-coreana e Oriente Médio.

    "Tivemos uma conversa extremamente direta sobre todos esses tópicos, sem tomar atalhos ou evitar assuntos controversos", relatou Lavrov.

    O chanceler lembrou que Moscou e Washington divergem em relação a alguns temas da agenda internacional, mas, assim como a Rússia, Trump parece estar aberto para o diálogo:

    "O sinal que ele enviou à sua equipe, aos funcionários da Casa Branca, ao Departamento de Estado, foi muito claro: temos que manter o diálogo com a Rússia. Nós também achamos que essa é a única maneira de seguir em frente", disse.

    Sergei Lavrov foi recebido na Casa Branca, em Washington, pelo seu homólogo Mike Pompeo e pelo presidente dos EUA, Donald Trump, em 11 de dezembro de 2019.

    Mais:

    Congresso dos EUA pressiona Trump para renovar acordo de controle de armas nucleares com Rússia
    EUA querem criar pseudo-Estado ilegal na Síria oriental, afirma chanceler russo
    Trump chama impeachment de 'marcha política suicida' da oposição
    Tags:
    Casa Branca, Donald Trump, Sergei Lavrov, Rússia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar