17:41 19 Maio 2019
Ouvir Rádio
    Unidade de elite antiterrorista Alfa do Serviço Federal de Segurança da Rússia (FSB)

    Cerca de 70 terroristas foram neutralizados na Rússia em 2018

    CC BY-SA 3.0 / SpetsnazAlpha
    Rússia
    URL curta
    370

    Forças de segurança da Rússia neutralizaram 69 terroristas no país em 2018, incluindo dez líderes de células extremistas, segundo informou o primeiro vice-chefe do Comitê Nacional Antiterrorismo, Igor Kulyagin, nesta quarta-feira.

    "Como resultado das operações contraterrorismo, 69 criminosos foram neutralizados, incluindo dez líderes. 37 líderes, 227 criminosos e 622 cúmplices foram detidos", disse Kulyagin em conversa com jornalistas sobre o trabalho das agências de segurança russas no último ano.

    ​Em 2017, ainda segundo o funcionário do comitê antiterrorismo, cerca de mil militantes e seus cúmplices foram detidos no país, enquanto outros 90 foram mortos durante operações especiais. 

    A Rússia decidiu participar de operações contra terroristas islâmicos na Síria na segunda metade de 2015, atendendo a um pedido do presidente sírio, Bashar Assad. Uma das grandes preocupações de Moscou no caso era o grande número de militantes russos que atuavam no país árabe e depois retornavam ao território russo com o objetivo de cometer atentados e a influência do terrorismo internacional sobre extremistas de regiões do Cáucaso.

    Mais:

    Terrorismo de direita e racista cresce nos EUA
    Crime organizado e terrorismo convergem e crescem na África
    Brasil pode perder dinheiro por não combater terrorismo, aponta especialista
    Rússia e Argentina podem expandir cooperação contra o terrorismo
    Tags:
    terroristas, terrorismo, Igor Kulyagin, Bashar Assad, Moscou, Síria, Cáucaso, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar