09:09 16 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Base norte-americana de Ramstein, na Alemanha

    EUA deveriam remover suas armas nucleares da Europa pela 'paz de todos', diz Medvedev

    © AP Photo /
    Rússia
    URL curta
    12151

    Os Estados Unidos deveriam transferir seu arsenal nuclear da Europa de volta para seu próprio país e eliminar a infraestrutura nuclear baseada no continente, opinou o primeiro-ministro da Rússia, Dmitry Medvedev.

    "Seria para a paz de espírito de todos, se as armas nucleares americanas fossem levadas de volta para os EUA", declarou Medvedev ao jornal Luxemburger Wort antes de sua visita a Luxemburgo.

    O premiê também criticou os exercícios de guerra nuclear, conduzidos pela OTAN na Europa.

    "Esses jogos de guerra não trazem nada além de preocupações desnecessárias para todos, principalmente para os países da OTAN", explicou.

    Medvedev reiterou que foram os EUA, e não a Rússia, que abandonaram o Tratado de Forças Nucleares de Intermediário (INF), que proibiu Moscou e Washington de desenvolver e implantar mísseis de cruzeiro e mísseis baseados em terra, com alcance entre 500 e 5.500 km.

    A retirada dos Estados Unidos do tratado abre a possibilidade de mais uma vez implantar esses mísseis na Europa — um desenvolvimento que a Rússia vê como uma grande ameaça.

    As palavras de Medvedev vieram depois que o presidente russo Vladimir Putin suspendeu a participação do país no Tratado INF na segunda-feira em resposta à retirada dos EUA no início de fevereiro.

    O acordo pode ser revivido se os EUA "eliminarem suas violações anteriores de suas obrigações" sob o documento, de acordo com o decreto presidencial. Caso contrário, ele expirará em seis meses e deixará de existir.

    Mais:

    Medvedev diz que Rússia quer promover diálogo entre governo e oposição na Venezuela
    Rússia busca 'alimentar todo o planeta', garante premiê Medvedev
    'É óbvio': Poroshenko não tem chances de vencer eleições na Ucrânia, diz Medvedev
    Tags:
    defesa, Tratado de Forças Nucleares de Alcance Intermediário (INF), armas nucleares, Guerra Fria, diplomacia, segurança, OTAN, Dmitry Medvedev, Estados Unidos, Luxemburgo, Europa, Alemanha, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar