07:50 22 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Testes do novo sistema russo Avangard (foto de arquivo)

    Putin: criação do Avangard é comparável ao lançamento do 1º satélite artificial da Terra

    © Sputnik / Ministério da Defesa da Federação da Rússia
    Rússia
    URL curta
    17331
    Nos siga no

    Nesta quarta-feira (20), o presidente da Rússia, Vladimir Putin, proferiu seu discurso anual perante a Assembleia Federal (parlamento bicameral russo). Tradicionalmente, o presidente informa a Assembleia sobre o estado do país e comenta as principais áreas da política externa e interna da Rússia.

    De acordo com o líder russo, a criação do sistema de mísseis Avangard, equipados com um bloco hipersônico planador, pode ser comparável ao lançamento do primeiro satélite artificial da Terra. 

    "Sabendo todos os detalhes deste trabalho de grande escala, tenho todas as bases para afirmar que, por exemplo, a criação do bloco hipersônico planador estratégico do sistema Avangard é comparável em seu significado ao lançamento do primeiro satélite artificial da Terra", assinalou Vladimir Putin.

    "Na época, o projeto de defesa nuclear proporcionou ao país a energia atômica. A criação do escudo de mísseis, que se iniciou, inclusive, com o lançamento do primeiro satélite artificial da Terra, permitiu começar a exploração pacífica do espaço", acrescentou.

    Vladimir Putin indicou que a produção em série do sistema de mísseis Avangard já se iniciou. 

    Além disso, o presidente prometeu que a Rússia não será a primeira a posicionar mísseis de curto e médio alcance na Europa.

    "Já disse, não quero repetir, mas é importante […] a Rússia não pretende posicionar primeiro tais mísseis na Europa", disse.

    Entretanto, ele apontou que se na Europa forem posicionados mísseis de curto e médio alcance, a Rússia implementará tipos de armamento que poderiam atingir centros de tomada de decisões sobre o uso de mísseis contra a Rússia.

    O presidente indicou também que os EUA deveriam ter justificado honestamente sua saída do Tratado INF. Em vez disso, Washington vem violando o tratado e, em seguida, mobiliza seus aliados, que soltam "grunhidos" de apoio aos americanos.

    "Nossos parceiros americanos deveriam ter dito isso, de forma honesta, em vez de usar acusações inventadas contra a Rússia para justificar sua saída unilateral do tratado", disse o presidente.

    "Eles [EUA] ainda mobilizam seus aliados. Estes, de forma suave, mas vão 'grunhindo' seu apoio aos americanos nesta questão", acrescentou o líder russo.

    Mais:

    Trump confia mais em Putin que nos serviços especiais dos EUA, diz ex-vice-diretor do FBI
    Não há países independentes no mundo, garante Putin
    Maduro agradece ao governo de Putin por se opor à agressão contra Venezuela
    Tags:
    INF, satélite, mísseis, Avangard, Vladimir Putin, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar