18:12 20 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    113
    Nos siga no

    Cerca de 50 mil pessoas foram evacuadas de cerca de 200 escolas, shopping centers e outros prédios públicos em Moscou na Rússia nesta terça-feira (5).

    A evacuação foi realizada devido a ameaças de bombas feitas de forma anônima, conforme informou o porta-voz dos serviços de emergência à Sputnik.

    "Às 18h no horário de Moscou [13h no horário de Brasília], 119 instalações estão sendo checadas em Moscou após ameaças de bomba, e 82 outras instalações estão sendo checadas no Distrito Federal Central, incluindo a região de Moscou", disse o oficial.

    Ele esclareceu que as ameaças de bomba levaram à evacuação de mais de 30 mil pessoas apenas em Moscou. Outras 19 mil foram evacuadas na região central Rússia, incluindo os arredores da capital.

    De acordo com as informações divulgadas, um total de 84 instalações em Moscou e no Distrito Federal Central foram checadas até agora, e as ameaças foram provadas falsas.

    Mais:

    Moscou: Ocidente apoia proposta destrutiva para golpe de Estado militar na Venezuela
    Moscou: nível de potencial de conflito mundial atinge marca perigosa
    Moscou: Daesh pode estar preparando provocação perto da fronteira meridional russa
    Kremlin: Moscou não teve e não planeja ter nenhum contato com Guaidó
    Tags:
    ameaça de bomba, evacuação, Moscou, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar