09:35 15 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    0 30
    Nos siga no

    O Comitê de Investigação da Rússia apela à comunidade para não confiar nas mensagens das organizações terroristas que assumiram a responsabilidade pela explosão na cidade russa de Magnitogorsk.

    De acordo com a porta-voz, Svetlana Petrenko, o Comitê de Investigação está estudando todas as versões possíveis da tragédia em Magnitogorsk, mas a explosão de gás doméstico continua sendo a principal. 

    "Sublinho que nos fragmentos levados pelos especialistas e criminalistas do local do incidente não foram encontrados quaisquer vestígios dos explosivos ou de seus componentes", revelou a porta-voz.

    Segundo Petrenko, as causas exatas da explosão em um prédio residencial em Magnitogorsk só podem ser estabelecidas após uma investigação e análise escrupulosa das provas.

    "Por isso apelo aos jornalistas para não confiarem nas mensagens das organizações terroristas, que, como se sabe, assumem a responsabilidade por todos os incidentes emblemáticos em diferentes países", declarou ela.

    Em 31 de dezembro, uma explosão de gás causou o desabamento de parte de um prédio residencial na cidade russa de Magnitogorsk. Dos escombros foram removidos 39 corpos.

    Mais:

    Aumenta para 27 o número de mortos do desabamento de um edifício em Magnitogorsk
    Micro-ônibus pega fogo em Magnitogorsk e deixa 3 mortos (VÍDEO)
    Tags:
    explosão de gás, Comitê de Investigação russo, Magnitogorsk, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar