18:24 12 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Ponto de controle na fronteira russo-ucraniana Dzhankoy, Crimeia, Rússia (foto de arquivo)

    Rússia constrói muro com videovigilância na fronteira entre Crimeia e Ucrânia

    © Sputnik / Aleksandr Polegenko
    Rússia
    URL curta
    7291
    Nos siga no

    No norte da Crimeia terminaram os trabalhos de construção de um muro na fronteira entre a Rússia e a Ucrânia, relata o FSB (Serviço Federal de Segurança).

    Segundo comunicou o serviço de imprensa da Guarda Costeira da Crimeia, pertencente ao FSB, a estrutura foi construída no istmo de Perekop (istmo que liga a península da Crimeia ao continente europeu).

    De acordo com as informações divulgadas, o muro também inclui um sistema de sinalização muito avançado.

    O planejamento e preparação da documentação foram iniciados ainda em 2015. Atualmente, a construção e todos os seus elementos está completamente concluída.

    "A estrutura é composta por um muro com mais de 60 quilômetros de comprimento e inclui algumas centenas de sensores de vários tipos, incluindo sensores de vibração e de raios X. Ele também está equipado com sistemas de circuito fechado de televisão para garantir o controle mais eficaz da área de noite e em condições de má visibilidade", revelou uma fonte do FSB.

    Em particular, na fronteira foram instalados dois sistemas de sinalização: o primeiro emite um sinal de alerta se alguém se aproximar, enquanto o segundo transmite o que está acontecendo perto do muro.

    "Sistemas semelhantes de proteção da fronteira nacional são usados nas regiões norte e no Extremo Oriente do nosso país e também nas áreas com situações críticas, provocadas por um alto nível de risco de violação da fronteira".

    De acordo com o serviço de segurança russo, o muro permitirá evitar a penetração de grupos de reconhecimento ucranianos, o contrabando de armas, munições, combustíveis, álcool e drogas por parte da Ucrânia.

    Mais:

    Aeródromo militar renovado de Belbek na Crimeia recebe primeiros caças
    Sistemas de defesa antiaérea russos S-400 mostram suas capacidades na Crimeia
    Delegação síria confirma visita a Crimeia em abril de 2019
    Analista político explica por que não pode haver armas nucleares na Crimeia
    Tags:
    barragem, muro, vigilância, fronteira, Serviço Federal de Segurança (FSB), Crimeia, Ucrânia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar