22:48 16 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Cadeia

    Embaixada da Rússia diz ter exigido 'tratamento humano' na prisão para Maria Butina

    © AP Photo / TheGiantVermin
    Rússia
    URL curta
    123
    Nos siga no

    A embaixada russa nos Estados Unidos disse que exigiu que a administração da prisão, onde a nacional russa Maria Butina está detida, pare "a injustamente dura prisão" de Butina depois a cidadã russa passar 3 meses em confinamento solitário.

    "Diplomatas da nossa embaixada visitaram Maria Butina. Nossa conterrânea ainda está em um confinamento solitário em completo isolamento. Ela passou mais de três meses neste regime de detenção. Exigimos que a administração penitenciária mostre à cidadã russa tratamento humano e pare a injustificadamente dura detenção de Maria Butina ", disse a embaixada em um comunicado de imprensa publicado no Facebook.

    Os diplomatas acrescentaram que continuaram sua luta pela libertação de Butina.

    Autoridades dos EUA prenderam Butina em meados de julho. A estudante russa originalmente se declarou inocente das acusações de atuar como agente estrangeira de conspirar para atuar como agente da Rússia nos Estados Unidos. O Ministério das Relações Exteriores da Rússia disse que as acusações contra Butina eram infundadas e falsas.

    Butina posteriormente cooperou com os investigadores, declarando-se culpada diante de um juiz federal dos EUA por uma acusação de conspiração para atuar como agente estrangeiro na última quinta-feira. A próxima audiência no caso Butina está marcada para 13 de fevereiro. A estudante russa está detida em uma prisão em Alexandria, Virgínia.

    Tags:
    Maria Butina, Virgínia, Alexandria, Rússia, Estados Unidos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar