23:21 17 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    O presidente de Cuba, Miguel Diaz-Canel (à esquerda) e o presidente russo,Vladimir Putin, (à diretia) após encontro realizado em Moscou.

    Comércio entre Cuba e Rússia cresceu 17% em 2017, afirma Putin

    © AP Photo / Alexander Zemlianichenko
    Rússia
    URL curta
    1141

    O comércio entre Rússia e Cuba aumentou 17% em 2017, e passos em direção a novos aumentos estão sendo tomados, disse o presidente russo, Vladimir Putin, a seu colega cubano Miguel Díaz-Canel durante reunião em Moscou nesta sexta-feira (2).

    "É claro que esse valor de comércio ainda é modesto em termos absolutos, mas sabemos o que devemos fazer. É por isso que eu e Díaz-Canel demos a tarefa para a comissão intergovernamental, que realizou uma sessão em Havana esta semana, de desenvolver medidas específicas para melhorar os fluxos de comércio mútuo e da cooperação de investimento", disse Putin.

    Ele especificou que a Rússia e Cuba têm uma experiência positiva de cooperação energética.

    Segundo Putin, o petróleo russo e seus derivados desempenham um papel importante na economia da ilha caribenha e garantem sua soberania energética. 

    Díaz-Canel chegou a Moscou na noite de quinta-feira. Esta é sua primeira visita à Rússia como presidente de Cuba.

    No sábado, ele deve se reunir com o primeiro-ministro russo, Dmitry Medvedev, para discutir a implementação de projetos conjuntos de larga escala.

    Mais:

    Cooperação militar entre Rússia e Cuba está em fase de negociação
    EUA impõem novas sanções à Venezuela e indicam que Cuba e Nicarágua são as próximas
    Putin: Rússia oferece assistência a Cuba para modernização de estradas na ilha
    Assembleia Geral da ONU aprova resolução para suspender bloqueio dos EUA a Cuba
    Rússia poderá vender armas a Cuba no valor superior a US$ 50 milhões
    Tags:
    Miguel Diaz-Canel, Vladimir Putin, Rússia, Cuba
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik