13:21 14 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Consequências dos ataques aéreos na cidade síria de Idlib

    Forças Armadas da Rússia: militantes planejam novas provocações químicas na Síria

    © REUTERS / Ammar Abdullah
    Rússia
    URL curta
    6100

    O chefe do Centro Russo para a Reconciliação Síria afirmou nesta quinta-feira que militantes estão preparando novas provocações com o uso de agentes químicos na zona de segurança em Idlib, na Síria.

    "Segundo informações recebidas pelo Centro Russo para a Reconciliação Síria, militantes estão preparando novas provocações usando agentes químicos", disse o tenente-general Vladimir Savchenko em uma coletiva de imprensa.

    "Os terroristas entregaram dois contêineres com cloro a um celeiro na parte norte do assentamento de Kalyat al-Mudik, localizado a 20 quilômetros a oeste da cidade de Hama. Eles planejam usar esse agente químico para realizar um falso ataque químico contra civis pelas forças do governo sírio", disse o general.

    Desde o final de agosto, autoridades russas alertaram em várias ocasiões que terroristas estão preparando ataques químicos de bandeira falsa na província síria de Idlib.

    Em abril de 2017, os EUA bombardearam com mísseis a base das forças do governo sírio em Shairat, província de Homs, depois que a oposição síria relatou 80 mortes e 200 feridos após um suposto ataque com armas químicas na província de Idlib.

    Mais:

    Putin: Moscou ajudará Damasco a eliminar terroristas em Idlib
    Alemanha: 'Zona de desescalada em Idlib da Síria é o primeiro passo para o cessar-fogo'
    Por que alguns países ocidentais não querem libertação de Idlib?
    Explosão de carro-bomba em Idlib deixa ao menos 4 mortos e 11 feridos
    Tags:
    ataque químico, Centro Russo para a Reconciliação Síria, Rússia, Idlib, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik