00:23 18 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Sistemas de mísseis S-300 durante exercício de defesa aérea do Distrito Militar Ocidental

    É divulgado VÍDEO da entrega dos S-300 russos para a Síria

    © Sputnik / Russian Defence Ministry
    Rússia
    URL curta
    21562

    O Ministério da Defesa publicou imagens da entrega de sistemas de mísseis antiaéreos S-300 à Síria, sendo retirados da aeronave de transporte militar An-124 Ruslan.

    A Rússia entregou um total de 49 unidades de equipamento militar à Síria, no âmbito do fornecimento de sistemas de defesa antiaérea S-300.

    O objetivo da ação foi para aumentar a segurança do pessoal militar russo na guerra civil que devasta o país.

    A decisão de fornecer sistemas S-300 para a Síria foi tomada logo após 17 de setembro, quando um míssil S-200 do sistema de defesa aérea sírio abateu por engano um avião russo Il-20, que estava voltando para a base de Hmeymim.

    Ao mesmo tempo, quatro caças israelenses F-16 atacaram instalações sírias em Latakia. Quando a defesa aérea síria respondeu ao ataque aéreo israelense, um dos mísseis derrubou o avião de reconhecimento russo Il-20.

    © Foto :
    Rússia entrega sistemas S-300 para Síria

    O ministro da Defesa da Rússia, Sergei Shoigu, responsabiliza Israel pelo incidente e anunciou medidas para melhorar a segurança dos militares russos na Síria, incluindo a entrega de S-300.

    Segundo ele, serão necessários três meses para treinar os militares sírios a operar os S-300.

    Mais:

    EUA: envio de sistemas russos S-300 para Síria gerará escalada das tensões
    Coalizão liderada pelos EUA: entrega dos sistemas russos S-300 à Síria 'não mudou nada'
    Jornal sírio: sistemas S-300 são uma 'correia' para Israel
    S-300 russos ajudarão na segurança e estabilidade da Síria, declara vice-chanceler do Irã
    Tags:
    Il-20, S-300, segurança aérea, equipamento militar, fornecimento, entrega, Ministério da Defesa (Rússia), Síria, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik