14:25 19 Agosto 2018
Ouvir Rádio
    Tanque T-14 Armata durante ensaios da Parada de Vitória em Moscou (foto de arquivo)

    5 coisas que você deve saber sobre Parada da Vitória em Moscou (FOTOS)

    © Sputnik / Vladimir Astapkovich
    Rússia
    URL curta
    2171

    Hoje, no dia 9 de maio na Praça Vermelha em Moscou ocorrerá um dos eventos anuais mais importantes, a Parada da Vitória, em homenagem ao triunfo sobre a Alemanha nazista em 1945. À luz disso, a Sputnik oferece-lhe detalhes sobre este acontecimento marcante.

    1. Primeira Parada da Vitória não foi celebrada em maio

    Apesar de 9 de maio ser considerado o dia da vitória sobre a Alemanha nazista, a primeira Parada da Vitória ocorreu em 24 de junho de 1949. Em 1949, o dia 9 de maio deixou de ser feriado. Foi apenas 20 anos após a vitória, em 1965, quando o então líder soviético, Nikita Khrushchev, declarou novamente 9 de maio como feriado nacional e ordenou um desfile militar. Após a queda da União Soviética, os desfiles não foram realizados até 1995, quando a tradição foi restaurada, mas sem a participação de veículos militares. Somente em 2008, os veículos militares participaram novamente do desfile, assim como os aviões militares.

    ​2. Bandeira da Vitória só chegou uma vez à Praça Vermelha

    A famosa original Bandeira da Vitória, erguida acima do Reichstag em Berlim em 1945, somente uma vez esteve presente na Praça Vermelha, e isso não foi em 1945. Inicialmente, os quatro soldados que ergueram a bandeira sobre o Reichstag deviam carregá-la durante a Parada da Vitória de 1945, mas descobriu-se que, os soldados não receberam treinamento adequado para participar de desfiles devido aos acontecimentos da guerra. Considerou-se inadequado chamar qualquer outra pessoa para este ato, então a bandeira não foi carregada. Os quatro carregaram a bandeira original em 1965, quando Nikita Khrushchev voltou à tradição do desfile. Desde então, a bandeira original é mantida em um sarcófago especial para evitar sua deterioração. A bandeira que é erguida nos desfiles é na verdade uma cópia muito precisa.

    3. Mísseis nucleares do desfile são reais?

    Existem rumos controversos que os ICBMs (Mísseis Balísticos Intercontinentais), provavelmente a parte mais emocionante do desfile, sejam reais. Dizem que, em caso de emergência, o Topol-M e outros ICBMs serão implantados para efetuar um lançamento diretamente da Praça Vermelha. A ideia de mísseis falsos tem suas origens históricas. Durante o desfile de 1965, vários modelos de ICBMs foram exibidos pela primeira vez. No entanto, nenhum deles chegou ao serviço. O blefe de Khrushchev causou uma impressão desejada nos países ocidentais na época. No entanto, de acordo com o jornal Rossiyskaya Gazeta, os mísseis exibidos durante paradas modernas são reais. 

    ​4. Em 1995, houve 2 desfiles

    Em 1995, pela primeira vez após a queda da URSS, o presidente russo Boris Yeltsin realizou a parada. Os chefes de 25 países, incluindo o presidente norte-americano, Bill Clinton, o secretário-geral da ONU, Boutros Boutros-Ghali e o premiê chinês Jiang Zemin, assistiram ao evento. Contudo, os veículos militares não chegaram a participar da parada. Em vez disso, os veteranos que representavam todos os regimentos que lutaram na Segunda Guerra Mundial marcharam pela Praça Vermelha, acompanhados por militares atuais em uniforme histórico e cadetes jovens. Os veículos militares foram exibidos em Poklonnaya Gora, um grande memorial dedicado à Grande Guerra pela Pátria (parte da Segunda Guerra Mundial, compreendida entre 22 de junho de 1941 e 9 de maio de 1945, e limitada às hostilidades entre a União Soviética e a Alemanha nazista e seus aliados), localizado a vários quilômetros do Kremlin.

    5. Aliados participaram da parada pela primeira vez em 2010

    As forças dos aliados participaram da parada na Praça Vermelha apenas em 2010, durante o 65º aniversário do Dia da Vitória. O desfile contou com a participação de soldados dos Estados Unidos, Reino Unido, França e Polônia. Além das nações ocidentais, militares das antigas repúblicas soviéticas do Azerbaijão, Armênia, Bielorrússia, Cazaquistão, Quirguistão, Tajiquistão, Turcomenistão, Ucrânia e Moldávia participaram do evento. Antes de 2010, as forças aliadas participaram apenas da Parada da Vitória, realizada em 7 de setembro de 1945, em Berlim, por iniciativa do destacado general soviético, Georgy Zhukov. Nesse dia, a URSS, França, Reino Unido e o EUA participaram juntos do desfile.

    Mais:

    Veículo de combate robótico Uran-9 será apresentado no desfile militar em Moscou (VÍDEO)
    Ensaio do desfile militar do Dia da Vitória
    Preparativos para desfile militar em Moscou: confira voo do Su-57 (VÍDEO)
    Tags:
    desfile militar, Parada da Vitória, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik