08:09 25 Maio 2018
Ouvir Rádio
    O presidente russo, Vladimir Putin, chefiando a reunião do Conselho de Segurança da Rússia na residência de Novo-Ogaryovo, arredores de Moscou

    Putin: alguns países fazem o jogo dos terroristas

    © AP Photo/ Mikhail Klimentyev
    Rússia
    URL curta
    11150

    Alguns países tentam cada vez frequentemente ignorar as normas do direito internacional por todos reconhecidas, usam a força militar à margem do Conselho de Segurança da ONU, declarou o presidente russo Vladimir Putin.

    O líder russo adicionou que isso gera uma instabilidade política e social e faz o jogo aos terroristas.

    Presidente da Síria, Bashar Assad
    © Sputnik / Assessoria de imprensa de Bashar Assad
    Falando no 9º encontro internacional de altos representantes na área de segurança, Putin notou: "Os problemas de garantia da segurança a nível global e regional hoje em dia ganham muita importância. Isso em muitos aspetos tem a ver com o fato de alguns membros da comunidade internacional  ignorarem com cada vez mais frequência as normas reconhecidas por todos e os princípios do direito internacional, recorrerem ao uso da força militar à margem do Conselho de Segurança da ONU, recusarem as negociações como um instrumento-chave para solução das disputas entre os Estados".

    Vladimir Putin adicionou que, além da instabilidade política e social, isso favorece a atividade terrorista, extremista, o crime transnacional, leva à escalada de conflitos e crises locais.

    Conforme Putin, a atual reunião sob os auspícios do Conselho de Segurança da Rússia é uma boa oportunidade para discutir os meios para enfrentar várias ameaças e desafios à segurança internacional, para trocar experiências e ampliar os contatos profissionais.

    "Queria sublinhar que a Rússia está pronta para a cooperação estreita com os parceiros ocidentais nesta área – tanto nos formatos multilaterais, como a nível bilateral", concluiu o presidente russo.

    Mais:

    Serviço secreto francês sabia que cimenteira LafargeHolcim financiava terroristas na Síria
    Ministro da Defesa russo indica onde Daesh está concentrando forças após derrota na Síria
    Defesa russa: estão criadas todas as condições para restauração do Estado sírio
    Tags:
    segurança, crime, terrorismo, Conselho de Segurança da Rússia, Conselho de Segurança da ONU, ONU, Vladimir Putin, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik