17:31 23 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Alan Dzagoyev (Rússia), Paul Pogba (França) e Alexander Golovin (Rússia) durante o amistoso entre Rússia e França.

    FIFA abre investigações a ofensas racistas proferidas por russos a jogadores da França

    © Sputnik / Grigoriy Sisoev
    Rússia
    URL curta
    1137

    A FIFA notificou a Federação Russa de Futebol (RFS), que iniciou uma investigação sobre ofensas racista a jogadores franceses por torcedores russos durante um amistoso pré-Copa do Mundo entre os dois países no mês passado, disse o analista da RFS, Aleksey Smertin à Sputnik.

    "A Fifa notificou a RFS, que iniciou uma investigação sobre ofensas racistas nas arquibancadas durante um amistoso entre a Rússia e a França disputado em São Petersburgo em 27 de março. A RFS está pronta para participar ativamente, em particular, estamos conduzindo uma investigação com o Ministério do Interior a respeito das identidades de algumas pessoas que estiveram envolvidas nos incidentes ", afirmou o inspetor anti-racismo e anti-discriminação da RFS, Aleksey Smertin.

    Ele acrescentou que, se a culpa for comprovada, os infratores poderão ser impedidos de participar dos jogos da Copa do Mundo FIFA 2018, bem como dos jogos da Liga russa.

    A Federação Internacional de Futebol (FIFA) disse mais cedo que vem recolhendo informações sobre o abuso racista depois que um fotógrafo da AFP chamou a atenção para gritos racistas de alguns torcedores no estádio quando o atacante francês Ousmane Dembele tocava na bola. Negro, Dembele é filho de uma mauritanesa e de um malês.

    A Rússia sediará sua primeira Copa do Mundo neste verão, com os jogos marcados entre 14 de junho a 15 de julho em 12 arenas de 11 cidades.

    Tags:
    Copa do Mundo FIFA 2018, Federação Internacional de Futebol, Ministério do Interior da Rússia, AFP, FIFA, Ousmane Dembele, Aleksey Smertin, França, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik