00:07 22 Agosto 2018
Ouvir Rádio
    Vista do Kremlin e Ministério das Relações Exteriores da Rússia

    Vice-chanceler acusa Reino Unido de mentir sobre caso Skripal

    © Sputnik / Yevgeny Biyatov
    Rússia
    URL curta
    Envenenamento de ex-espião russo (100)
    9181

    O vice-ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Ryabkov, classificou a apresentação da embaixada do Reino Unido sobre alegações do envolvimento de Moscou no ataque ao ex-espião Sergei Skripal como "um monte de mentiras descaradas".

    "Estamos gratos ao Ministério das Relações Exteriores [do Reino Unido] pela oportunidade de dizer mais algumas palavras sobre o recente briefing na Embaixada Britânica em Moscou. O documento, apresentado neste briefing, contém um conjunto comum de declarações a autoridades britânicas sobre a Rússia", disse Ryabkov à Sputnik.

    "Também contém um monte de mentiras descaradas", enfatizou o diplomata russo.

    As relações entre o Reino Unido e a Rússia deterioram drasticamente depois que a primeira-ministra britânica, Theresa May, culpou Moscou pela "tentativa de assassinato" do ex-espião russo, Sergei Skripal, em Salisbury, e ordenou a expulsão de 23 diplomatas russos como retaliação.

    A Rússia refutou todas as acusações e respondeu de maneira simétrica às ações de Londres, anunciando o fechamento do consulado britânico em São Petersburgo e do escritório da organização British Council, em Moscou. 

    Na segunda-feira, Washington decidiu expulsar 60 diplomatas russos pelo caso do ex-agente duplo russo Sergei Skripal, envenenado no Reino Unido, além de ordenar o fechamento do consulado russo em Seattle.

    Outros 22 países, incluindo 16 Estados membros da União Europeia (UE), anunciaram medidas similares, embora em menor escala.

    Tema:
    Envenenamento de ex-espião russo (100)

    Mais:

    Opinião: caso Skripal é usado para impedir planos da Rússia no palco internacional
    Pentágono revela 'verdadeiro propósito' de envenenamento de Skripal
    OTAN expulsa vários membros russos devido ao caso Skripal
    Portugal não expulsará diplomatas russos em conexão com o caso Skripal
    Tags:
    embaixada, espião, envenenamento, Sergei Ryabkov, Sergei Skripal, Reino Unido, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik