21:29 08 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    19513
    Nos siga no

    A ponte através do estreito de Kerch, que atualmente está em construção, é bastante vulnerável a ataques de mísseis, afirmou o ex-chefe do Estado-Maior ucraniano, general Igor Romanenko.

    Segundo ele, a ponte, "é uma artéria estratégica que pode abastecer o grupo do adversário na Crimeia e também favorecer o crescimento econômico da península". Contudo, sublinhou o general, a ponte como alvo do ponto de vista militar é "bastante vulnerável à aviação, mísseis terrestres e navais".

    A ponte que ligará a Crimeia e a região do sul da Rússia, será a mais longa do país, seu comprimento será de 19 quilômetros, sendo que nela se planeja iniciar a circulação de automóveis já em dezembro de 2018.

    Mais:

    Autoestrada da Ponte da Crimeia está pronta
    Ponte que ligará Crimeia à Rússia continental finalmente ganha nome
    Drones e aviões militares dos EUA vigiam construção da ponte da Crimeia
    Tags:
    ponte, ataques, mísseis, Crimeia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar