13:49 15 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    O porta-aviões russo Admiral Kuznetsov

    Crimeia pode se tornar plataforma para construção de poderosos porta-aviões russos

    © Sputnik/ Oleg Lastochkin
    Rússia
    URL curta
    6152

    O estaleiro da Crimeia, Rússia, pode vir a se tornar plataforma para construção de novos porta-aviões, declarou o chefe da república russa, Sergei Aksenov.

    A tradicional construtora de fragatas da Marinha, Zaliv (situado em Kerch) é o estaleiro principal russo e um dos maiores da Europa Oriental.

    "O estaleiro Zaliv, situado em Kerch possui o maior dique seco, de 375 metros de comprimento, da Federação da Rússia. Isso permite construir tudo [navios], inclusive porta-aviões. É possível que tal decisão seja tomada aqui", comunicou Aksenov durante encontro com jornalistas estrangeiros.

    O estaleiro é 375 metros de comprimento e 60 metros de largura, além de ser bastante grande para construir vários navios ao mesmo tempo.Nas últimas duas décadas adquiriu o perfil de construtora de navios militares, navios para transporte de carga seca, plataformas petrolíferas flutuantes e de operadora de reparos.

    O Zaliv está localizado no litoral do estreito de Kerch entre os mares Negro e Azov — na baía protegida dos ventos orientais.

    Mais:

    Ucrânia lança mísseis antiaéreos perto da Crimeia
    Coreia do Norte reconhece Crimeia como parte da Rússia
    Rússia poderia compensar a Ucrânia pela Crimeia, diz presidente tcheco
    Deputada ucraniana diz que Rússia 'ocupa Crimeia com povos da Sibéria'
    Tags:
    construção naval, estaleiro, navios, porta-aviões, Sergey Aksenov, Estreito de Kerch, Mar de Azov, mar Negro, Crimeia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik