18:50 25 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    0120
    Nos siga no

    O cosmonauta russo, Sergei Riazansky, que está a bordo da Estação Espacial Internacional (EEI), fotografou o despertar do vulcão Klyuchevskaya Sopka.

    As imagens foram publicadas no Twitter da Agência Espacial russa Roscosmos.

    Klyuchevskaya Sopka é o vulcão ativo mais alto da Eurásia, localizado na Península de Kamchatka.

    ​Vale destacar que a coluna de cinzas atingiu seis quilômetros acima do nível de mar.

    Os dados, registrados pelos especialistas do Instituto de Vulcanologia e Sismologia da Academia de Ciências da Rússia, indicam que o vulcão despertou em abril deste ano.

    No entanto, a maior coluna de cinzas foi percebida apenas no dia 18 de julho, sendo alastrada a uma distância de mais de 23 km.

    A montanha cuspidora de lava tem aproximadamente 7 mil anos e mais de 4,7 km de altitude. É o ponto mais alto da Península de Kamchatka (Rússia). Ele faz parte do anel de fogo do Pacífico e é o vulcão ativo de maior altitude na Eurásia.

    Mais:

    Vulcão no Extremo Oriente russo desperta de letargo que durou mais de 2 séculos
    Vulcão Bogoslof entra em erupção no Alasca e dispara alerta vermelho para aviação
    Uma aventureira surfa ao redor de vulcão em erupção
    NASA pretende prevenir uma catástrofe mais perigosa do que choque com asteroides
    Tags:
    Rússia, Península de Kamchatka, Eurásia, Sergei Ryazansky, Estação Espacial Internacional, Academia de Ciências da Rússia, Roscosmos, imagem, vulcão, espaço, órbita, erupção, coluna, cinzas
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar