08:01 25 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Vladímir Putin, presidente da Rússia, no Kremlin (foto de arquivo)

    Onde nenhum jornalista antes pisara: Putin mostra sua sala 'secreta' a Stone (VÍDEO)

    © Sputnik / Alexey Druzhinin
    Rússia
    URL curta
    17274

    Embora o principal escritório de Vladimir Putin tenha sido visto por muitas pessoas, Oliver Stone se tornou o primeiro que teve a oportunidade de visitar a sala “secreta” do líder russo.

    A viagem impressionante através do "território secreto" começou após terem permitido a um operador de câmara gravar o local onde o presidente russo costuma trabalhar.

    A equipe de filmagem descobriu um painel com numerosos botões, com nomes de várias pessoas: o mandatário precisa simplesmente de apertar um deles para entrar em contato com uma pessoa determinada.

    Além disso, a câmara mostrou parte do escritório de Putin que dá para uma janela com vistas ao Kremlin à noite, assim como uma tesoura sobre uma pasta cor-de-laranja com a inscrição "secreta".

    Depois, Vladimir Putin levou os visitantes a outra parte de seu escritório, onde nenhum jornalista entrara antes.

    Em um dos cantos havia vários ícones da Virgem e de Cristo, junto a um retrato de um homem.

    "É o meu pai em Sevastopol, na Crimeia. Servia na Marinha", explicou o presidente.

    Ele também mostrou outra sala onde ele passa a maior parte de seu tempo trabalhando.

    "E esta é a segunda parte do escritório, aqui trabalho com os documentos, em geral está coberta com papéis", disse Putin.

    A equipe de Stone também entrou na sala onde Putin mantém reuniões com líderes estrangeiros.

    O documentário "Entrevista com Putin", que foi emitido em quatro episódios entre 12 e 15 de junho, levou dois anos para ser gravado.

    Em outros documentários, Oliver Stone entrevistou tais líderes mundiais como Hugo Chávez em "Mi amigo Hugo" e Fidel Castro em "Looking for Fidel".

    Mais:

    Oliver Stone: nenhum presidente americano trabalhou tão intensamente como Putin
    Putin sobre guerra cibernética com os EUA: 'Toda ação produz uma reação'
    Tags:
    entrevista, Kremlin, Oliver Stone, Vladimir Putin, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik