06:19 04 Dezembro 2020
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    1981
    Nos siga no

    Editora-chefe do canal RT e da Sputnik, Margarita Simonyan, comenta o projeto de lei sobre alterações nas regras da lei dos EUA que regula o registro das agências estrangeiras.

    O projeto foi apresentado pelo congressista David Cicilline, vice-presidente do comitê para assuntos da política e mídia do Partido Democrata e pelo congressista Matt Gaetz.

    "O meu conselho aos prezados senadores — aprovem sua lei o mais rápido possível, ou enquanto vocês estão demorando, nós teremos tempo de conquistar não apenas o Limpopo, mas também Lukomorye [terra mitológica do folclore russo]", declarou Simonyan.

    O projeto de lei visa tapar "uma brecha" na lei sobre as regras para registro dos agentes estrangeiros. Segundo os autores da iniciativa, durante as eleições presidenciais nos EUA essa "brecha" foi aproveitada pelo canal Russia Today (RT).

    Em 7 de janeiro de 2017, a inteligência dos EUA publicou um relatório em que afirma que o presidente russo, Vladimir Putin, mandou organizar uma "campanha de influência" sobre as eleições presidenciais nos EUA realizadas em 2016. Dessa campanha, conforme o relatório, participaram hackers russos e o canal RT.

    Mais:

    Editora-chefe: Sputnik e RT não interferiram na eleições francesas
    Editora-chefe comenta afirmações de John Podesta sobre Sputnik e RT
    FBI verifica sites da Sputnik e RT por 'interferência' nas eleições norte-americanas
    Tags:
    mídia russa, projeto de lei, RT, Sputnik, Margarita Simonyan, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar