05:07 23 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    2462
    Nos siga no

    O presidente da Rússia, Vladimir Putin, classificou a OTAN como um instrumento de política externa dos EUA onde não há aliados, mas existem apenas vassalos. A declaração foi durante uma entrevista ao cineasta norte-americano Oliver Stone.

    "Hoje é um instrumento de política externa dos EUA, onde não existem aliados, são somente vassalos", disse Putin em trecho da entrevista divulgado pela revista Politico

    "Quando um país se torna membro da OTAN, torna-se muito difícil resistir à pressão de um grande país-líder da OTAN como os EUA. E lá pode acontecer de tudo: defesa antimíssil, novas bases, e, caso seja exigido, novos complexos de ataque. E nós devemos fazer o que?", questiona o líder russo. 

    "Devemos, portanto, tomar contramedidas, colocar nossos sistemas de mísseis contra aqueles sistemas que, em nossa opinião, começam a nos ameaçar", destacou Putin. 

    O presidente russo concedeu um longa entrevista ao cineasta Oliver Stone. Em formato de vídeo, o conteúdo será exibido na íntegra na emissora norte-americana Showtime entre os dias 12 e 15 de junho. 

     

    Mais:

    Putin: Rússia se beneficiará das discussões sobre OTAN caso a última deixe de existir
    Delegação ucraniana revela à OTAN 'ligações' entre Rússia e Daesh
    MRE: Iniciativas da OTAN perto da Rússia levam ao perigoso reforço da corrida armamentista
    Ações da OTAN poderiam ser recebidas pela Rússia como amigáveis?
    Tags:
    Rússia, EUA, Vladimir Putin, Oliver Stone, OTAN, entrevista, aliados, instrumento
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar