17:01 13 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Colheita de trigo na região de Rostov, na Rússia

    Financial Times relata êxitos sem precedentes na agricultura russa

    © Sputnik/ Aleksandr Pogotov
    Rússia
    URL curta
    5390

    A Rússia está passando por um boom agrícola, o que prova que o mercado russo possui enormes potencialidades para os investidores, escreve o jornal britânico Financial Times.

    Em 2014 os países ocidentais introduziram sanções contra Moscou, que respondeu com contramedidas na área das importações de produtos alimentícios. Muitos russos viram nisso uma oportunidade para desenvolver os negócios e perspectivas de substituição das importações por produtos nacionais, faz lembrar o autor do artigo, Neil Buckley. 

    Alguns investidores não acreditavam que o processo desse certo. Entretanto, pelo menos na agricultura o otimismo é justificado, diz o artigo.

    No ano passado, a Rússia tornou-se o maior exportador de grãos. O volume geral da produção, segundo o FT, atingiu o recorde de 119 milhões de toneladas, 34 milhões das quais foram exportadas.

    As empresas russas tiveram êxito também nas outras esferas da agricultura: a produção interna da carne suína e de galinha, o que permitiu dispensar as importações. Além disso, a Rússia tornou-se o exportador líder de beterraba, e os volumes dos legumes de estufa aumentaram 30% no ano passado em comparação com 2016.

    A edição destaca que os produtos agrícolas são agora a segunda linha das exportações da Rússia, depois do petróleo e gás.

    A Rússia se aproveita ativamente da sua situação geográfica – em particular, das terras férteis nas regiões meridionais e centrais do país, localizadas perto dos canais de exportações do mar Negro. Através deles, o trigo russo chega aos grandes importadores, a Turquia e o Egito.

    O setor agrícola poderá continuar a desenvolver-se, já que o crescimento das receitas permite aos granjeiros investir em tecnologias e fertilizações.

    Por exemplo, na fronteira entre a China e a Rússia, há todas as condições para plantar soja, embora sejam necessários anos para desenvolver a produção.

    "Contudo, até sem isso, o boom agrícola russo evidencia que apesar das sanções e problemas nas relações com o Ocidente, o mercado local tem enormes oportunidades", conclui Buckley.

    Mais:

    Empresa agrícola russa Rostselmash revela avanços tecnológicos e traça planos para futuro
    Cientistas russos ajudam agricultores mexicanos a curar vírus mortal em camarões
    Ano Novo, vida nova
    Tags:
    trigo, investimento, agricultura, economia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik