06:01 17 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    O edifício do Ministério das Relações Exteriores russo na Praça Smolenskaya-Sennaya, em Moscou

    Chancelaria russa revela novos detalhes da conversa entre Putin e Trump

    © Sputnik / Natalia Seliverstova
    Rússia
    URL curta
    5101
    Nos siga no

    O chefe do Departamento da América do Norte da Chancelaria russa, Georgy Borisenko, revelou novos detalhes da conversa telefônica entre o presidente russo, Vladimir Putin, e seu homólogo estadunidense, Donald Trump. Segundo disse o diplomata, a parte americana está disposta a cooperar com Moscou "sem fobias".

    Falando em uma mesa redonda no Conselho da Federação da Rússia, Borisenko declarou que "quanto a temas, a conversa foi muito rica e, o que é mais importante, foi construtiva e amigável".

    "A parte americana se mostrou disposta a realizar trabalho conjunto de maneira eficaz e sem fobias, alcançando objetivos de interesse mútuo", sublinhou diplomata russo.

    Ele apontou que tal disposição "já se nota na colaboração com a equipe de Trump".

    No sábado passado (28), teve lugar a primeira conversa telefônica, após a sua posse, entre Donald Trump e o presidente da Federação da Rússia, Vladimir Putin. Avaliando os resultados da conversa, a Casa Branca declarou que esse contato se tornou um passo importante na melhoria das relações bilaterais. O Kremlin também apontou que a conversa demonstrou uma atitude positiva relativamente à colaboração.

    Mais:

    Trump: relações russo-americanas devem 'seguir em frente'
    Opinião: 'EUA vão perder papel de grande potência por causa de Trump'
    Repórter da RT preso na posse de Trump é absolvido de acusações
    Jogo de 7 erros: Bild comparou as fotos de Trump conversando com Putin e com Merkel
    Putin e Trump têm opinião comum sobre situação na Ucrânia
    Tags:
    interesses, equipe, diplomata, colaboração, cooperação, relações bilaterais, detalhes, conversa telefônica, Conselho da Federação, Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Vladimir Putin, Donald Trump, Moscou, Rússia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar